Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Prémios Casa das Ciências | 2019

Recursos Digitais para Professores

27.12.19

recursos_.png

A Casa das Ciências voltou a distinguir os melhores recursos educativos digitais e imagens, submetidos pelos seus membros ao portal durante o ano de 2018.

A sessão de entrega de prémios decorreu no dia 19 de dezembro, pelas 15:30 horas, na UPTEC.

Só a educação nos dá esperança e futuro | muzoon almellehan

A visão de uma jovem refugiada sobre a educação

26.12.19

unicef.jpg

Muzoon Almellehan · Refugiada e embaixadora da Unicef

 

 

 

“Meu querido parceiro refugiado, nunca pares de aprender, nunca pares de sonhar. Nunca percas a esperança". Assim começa a carta que Muzoon Almellehan dedica às crianças que sofrem a devastação do conflito armado. Ela também teve que fugir. Com 14 anos, escapou da Síria com a sua família, indo para um campo de refugiados na Jordânia. Como bagagem, ela carregava apenas o essencial: os seus livros escolares. "A educação dá esperança e estabilidade, porque educação significa futuro", diz ela. 

Durante os três anos que passou em campos de refugiados, lutou para consciencializar as famílias de que os jovens deveriam continuar a estudar. A sua história inspiradora, a sua coragem e a sua forte defesa da educação fizeram com que muitos se referissem a ela como a 'Malala Síria'. 

Em 2017, tornou-se a primeira Embaixadora da Boa Vontade da UNICEF com o status de refugiada. Atualmente, reside no Reino Unido, onde estuda Relações Internacionais. "A minha mensagem aos líderes mundiais e organizações internacionais é que eles devem concentrar os seus esforços nas crianças para que tenham acesso a uma educação de qualidade, independentemente da situação em que se encontrem", conclui.

 

Referência: “Solo la educación nos da esperanza y futuro”. (2019). BBVA Aprendemos juntos. Retrieved 26 December 2019, from https://aprendemosjuntos.elpais.com/especial/solo-la-educacion-nos-da-esperanza-y-futuro-muzoon-almellehan/

manual.png

Download |

Prefácio

Incluir todos os estudantes e garantir que cada indivíduo tenha uma oportunidade igual e personalizada para o progresso da educação ainda é um desafio em quase todos os países.

Apesar do louvável progresso alcançado nas duas últimas décadas para expandir o acesso à educação básica, esforços adicionais são necessários para minimizar barreiras à aprendizagem e garantir que todos os estudantes em escolas e outros setores da educação possam usufruir genuinamente de um ambiente inclusivo.

A agenda de 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, cujo objetivo é não deixar ninguém para trás, fornece uma oportunidade única de construir sociedades mais inclusivas e equitativas.

Isso deveria começar com sistemas de educação inclusivos. O Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 4 (ODS 4) sobre educação clama por educação inclusiva e equitativa de qualidade e oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos até 2030.

Enfatiza inclusão e equidade como alicerces para educação e aprendizagem de qualidade. O ODS 4 também pede pela construção e atualização de instalações educacionais que sejam sensíveis às crianças, às deficiências e às questões de gênero, de forma a proporcionar um ambiente de aprendizagem seguro, não violento, inclusivo e eficaz para todos.

Para alcançar esse objetivo ambicioso, os países devem garantir inclusão e a equidade dentro e por meio de seus sistemas educacionais e programas. Isso inclui tomar medidas de prevenção e lidar com todas as formas de exclusão e marginalização, disparidade, vulnerabilidade e desigualdade no acesso à educação, participação e conclusão, bem como nos processos de aprendizagem e resultados.

Também requer a compreensão das diversidades dos estudantes como oportunidades para melhorar e democratizar a aprendizagem para todos eles.

A UNESCO apoia os formuladores de políticas governamentais de educação, os profissionais e as principais partes interessadas em seus esforços para desenvolver e implementar políticas, programas e práticas inclusivas que atendam às necessidades de todos os estudantes.

Nós estamos confiantes que este Manual para Garantir Inclusão e Equidade na Educação servirá como recurso para os países e contribuirá para acelerar os esforços para educação inclusiva em âmbito global.

Qian Tang,

Ph.D.Ex-diretor-geral adjunto de Educação

 

ISBN: 978-85-7652-245-4
Collation: 47 pages : illustrations
Language: Portuguese
Also available in: Français, Español, 汉语, English
Year of publication: 2019
Licence type: CC BY-SA 3.0 IGO [6753]
Type of document: book
 

Referência: (2019). Unesdoc.unesco.org. Retrieved 23 December 2019, from https://unesdoc.unesco.org/ark:/48223/pf0000370508

 

 

O futuro incerto da educação escolar | artigo

Tendências pedagógicas

21.12.19

cobo.png

Tendencias Pedagógicas

ISSN-L: 1133-2654 | ISSN-e: 1989-8614

DOI prefix: 10.15366/tp

URL: https://revistas.uam.es/tendenciaspedagogicas

O FUTURO INCERTO DA EDUCAÇÃO ESCOLAR

[...] A perda progressiva do papel monopolista historicamente atribuído à educação escolar é confrontada com o surgimento de novas agências e parceiros de disseminação de conhecimento que, através de redes, ecrãs e dados, não só incomodam, mas também desafiam as estruturas da velha escola, criando, em muitas ocasiões, práticas com maiores níveis de legitimidade social.

A escolaridade é um fenómeno relativamente recente na história da humanidade que, nos últimos cem anos, alcançou metas anteriormente impensáveis, como o acesso sem precedentes da maioria da população mundial às ferramentas básicas de leitura e de escrita. Mas o aumento do acesso veio acompanhado de novos desafios.

Os sistemas escolares apresentam enormes dificuldades para melhorar esse acesso em termos qualitativos e igualitários: o país e a origem socioeconómica, o género e a etnia continuam a ser importantes preditores do nível de formação das pessoas. Os sistemas de educação não conseguem reduzir as iniquidades de nascimento, sobretudo nos países em desenvolvimento, e também falham na formação em novas literacias ou nas competências que a sociedade atual exige. [...]

Ler mais >>

Download |

Referência: Cobo, C. & Narodowski, M. (2020). El incierto futuro de la educación escolar. Tendencias Pedagógicas, 35, pp. 1-6. doi: 10.15366/tp2020.35.001

 

Etiquetas:

atas.png

Download |

Literacia, Media e Cidadania - Tecnologia, Desinformação e Ética  - Atas do quinto congresso, realizado em maio de 2009 na Universidade de Aveiro, promovido pelo Grupo Informal sobre Literacia Mediática e editado por Sara Pereira, do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho.
 

Referência: Literacia, Media e Cidadania – Livro de Atas do 5.º congresso. (2019). Lasics.uminho.pt. Retrieved 20 December 2019, from http://www.lasics.uminho.pt/ojs/index.php/cecs_ebooks/issue/view/260/showToc

 

 

Etiquetas:

Pág. 1/5



RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogue RBE em revista

Clique aqui para subscrever


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor