Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blogue RBE

Ter | 02.04.13

Distinção europeia para a editora Planeta Tangerina


















A Planeta Tangerina foi eleita a melhor editora europeia de livros para a infância no ano de 2013. A eleição realizou-se na Feira do Livro Infantil de Bolonha. Um dos participantes no evento, cuja obra sobre a leitura e os livros é internacionalmente conhecida, foi Daniel Pennac. Na cerimónia, os adultos fizeram-lhe a pergunta do costume: como se levam as crianças a ler? Ele respondeu: “Leiam também. (...)

Ler mais no Público, 27 março >>
Ter | 02.04.13

Festival Literário da Madeira em 3ª edição


























A 3ª edição do  Festival Literário da Madeira,  que decorre sob a égide do Manifesto à Arte, iniciou-se a 1 de abril com o Festivalinho Literário Infantil, uma novidade deste ano que reúne crianças e escritores nas escolas e bibliotecas.  Amanhã, começam as Conversas à Mesa, a primeira entre Naomi Wolf e Rui Tavares, dois dos muitos convidados que protagonizam debates, conferências e outros eventos. As Conversas Cruzadas,  (forma de debate com um moderador e quatro ou cinco oradores),  são inspiradas em títulos de livros que se debruçam sobre uma arte, no sentido de uma habilidade, técnica ou virtude a adquirir num dado domínio da experiência :

  • A Arte de Morrer Longe de Mário de Carvalho
  • A Arte de Lidar Com as Mulheres de A. Schopenhauer
  • A Arte da Guerra de Sun Tzu
  • A Arte da Libertação de Krishnamurti
  • A Arte de Pagar as Suas Dívidas de Balzac


Programa >>
Ter | 02.04.13

Dia Internacional do Livro Infantil




























Hoje é o Dia Internacional do Livro Infantil. Reproduzimos a mensagem de Pat Mora, na tradução de Maria Carlos Loureiro, Alegria dos livros à volta do mundo:

Lemos juntos, tu e eu.
Vemos que as letras formam palavras
e as palavras se transformam em livros
que seguramos na mão.

Ouvimos murmúrios
e rios agitados correndo pelas páginas,
ursos que cantam à lua
melodias divertidas.

Entramos em castelos misteriosos
e das nossas mãos crescem árvores em
flor 
até às nuvens. Vemos meninas corajosas
que voam 
e rapazes que pescam estrelas
cintilantes.

Tu e eu lemos, dando voltas e mais
voltas,
alegria dos livros à volta do mundo.

Ler mais >>