Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blogue RBE

Seg | 07.05.18

Perfil do aluno do século XXI: rumo ao sucesso escolar | seminário

perfil.png

 Inscrição | Programa

 

O Conselho Municipal de Educação de Vila Franca de Xira, em parceria com a Câmara Municipal, promove anualmente um seminário dedicado à área da educação. Subordinado este ano ao tema “Perfil do aluno do século XXI: rumo ao sucesso educativo”, tem lugar no dia 29 de maio de 2018, pelas 9h30, no auditório da Escola Básica e Secundária Prof. Reynaldo dos Santos, em Vila Franca de Xira.

 

O programa desta iniciativa vai contar com conferências que terão as intervenções de Álvaro Laborinho Lúcio, Juiz Conselheiro Jubilado do Supremo Tribunal de Justiça e de David Justino, Coordenador do estudo Atlas da Educação. Para abordar questões referentes ao Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, conta-se com a presença de Maria João Horta, Investigadora na área da educação e das TIC e que integrou o Grupo de Trabalho deste documento.

 

O “Perfil dos Alunos para o século XXI” é um documento que se constitui como referencial para a escolaridade obrigatória e visa definir "o perfil de competências que se pretende que os alunos apresentem no final do percurso escolar de 12 anos, que lhes permita continuar a aprender ao longo da vida e responder aos desafios do mundo atual, a par do desenvolvimento de competências do século XXI".

 

O Seminário encontra-se proposto para certificação como ação de formação de curta duração para professores pelo Centro de Formação Infante D. Pedro, conforme Despacho nº 5741/2015 de 29 de maio e releva para a avaliação do desempenho e para a progressão em carreira de Educadores de Infância e de Professores dos ensinos Básico e Secundário.

 

Seminário “Perfil do aluno do século XXI: rumo ao sucesso educativo”

Referência: Seminário “Perfil do aluno do século XXI: rumo ao sucesso educativo”. (2018). Cm-vfxira.pt. Retrieved 7 May 2018, from https://www.cm-vfxira.pt/frontoffice/pages/50?news_id=3773

 

 

Seg | 07.05.18

Uma antologia de Crítica de mídia no Brasil de 1996 a 2018 | observatório da imprensa

observatorio.png

 LerFonte

 

Observatório da Imprensa abriga um extenso acervo de 22 anos de crítica de mídia no Brasil a partir do gesto inaugural do jornalista Alberto Dines que, em parceria com o então reitor da Unicamp Carlos Vogt, deu origem a criação de um espaço autônomo e plural de crítica do jornalismo. Na mesma Universidade onde o projeto do Observatório nasceu junto ao Labjor – Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo- foi lançada, na semana passada, a compilação “Observatório da Imprensa – Uma antologia de Crítica de mídia no Brasil de 1996 a 2018”, organizada pelos jornalistas Pedro Varoni e Lucy Oliveira e publicada em formato e-book pela editora Casa da Árvore. O lançamento fez parte do Simpósio do Projor – Instituto para o desenvolvimento do jornalismo durante o 5º Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura.

(...)

 

Observatório da Imprensa foi criado na internet em 1996 para expandir-se gradativamente às outras mídias, convidando as pessoas a engajarem-se num fórum de ideias nitidamente progressistas, mas com um caráter apartidário e pluralista, a fim de combater a intolerância. Esse conteúdo resulta de um projeto editorial inovador e pioneiro em relação à crítica de mídia no Brasil.

 

A antologia constitui um documento de pesquisa para todos os interessados nas regularidades e mutações das relações entre jornalismo e poder no período que vai dos últimos anos do século passado a esse final da segunda década do século XXI.

 

Ler mais >>

 

Observatório da Imprensa lança e-book 'Uma antologia de Crítica de mídia no Brasil de 1996 a 2018' | Observatório da Imprensa - Você nunca mais vai ler jornal do mesmo jeito

Referência: Observatório da Imprensa lança e-book 'Uma antologia de Crítica de mídia no Brasil de 1996 a 2018' | Observatório da Imprensa - Você nunca mais vai ler jornal do mesmo jeito. (2018). Observatório da Imprensa - Você nunca mais vai ler jornal do mesmo jeito. Retrieved 7 May 2018, from http://observatoriodaimprensa.com.br/memoria/observatorio-da-imprensa-lanca-e-book-uma-antologia-de-critica-de-midia-no-brasil-de-1996-a-2018/

Seg | 07.05.18

Competição Europeia da Estatística | ine

esc.png

 Ver na fonte - INE |

 

Finalistas da fase nacional

 

Terminou a fase nacional da Competição Europeia da Estatística (European Statistics Competition) – ESC2018, dinamizada a nível europeu pelo Serviço de Estatísticas da União Europeia (Eurostat) e, em Portugal, pelo Instituto Nacional de Estatística.

 

Por favor, clicar no ficheiro .pdf para ver os trabalhos.

 

Conjugando os resultados obtidos nas duas avaliações que constituíram esta fase da ESC2018, foram apurados os seguintes finalistas:

Categoria A

 EquipaPontuação finalEscola
    
1.ºSigma (pdf)96.675Agrupamento de Escolas Vieira de Araújo (Vieira do Minho)
    
2.ºFractais (pdf)96.000Escola Básica e Secundária Ferreira de Castro (Oliveira de Azeméis)
    
3.ºTrivium (pdf)95.925Escola Básica e Secundária Artur Gonçalves (Torres Novas)
    
4.ºZINCA (pdf)94.600Escola Secundária Dr. João Manuel da Costa Delgado (Lourinhã)
    
5.ºCim-Macs (pdf)93.500Escola Secundária de Camões (Lisboa)

 


 

Categoria B

 EquipaPontuação finalEscola
    
1.ºSétimoTOP (pdf)98.900Externato Santa Joana (Ermesinde)
    
2.ºm.m.c (pdf)97.775Escola Secundária João de Araújo Correia (Godim - Peso da Régua)
    
3.ºGirls_CJD (pdf)97.550Colégio Júlio Dinis (Porto)
    
4.ºTatistica3 (pdf)93.850Escola Básica e Secundária Amélia Rey Colaço (Oeiras)
    
5.ºMadje (pdf)93.250Colégio Valsassina (Lisboa)

 


As três equipas com a pontuação mais alta de cada categoria ficaram automaticamente apuradas para participar na fase europeia da Competição.

O Instituto Nacional de Estatística congratula-se com o grau de participação obtido e felicita cada um dos participantes, com natural destaque para os vencedores e os finalistas. Simultaneamente, manifesta a sua expectativa de que esta Competição tenha contribuído para incentivar em todos os que nela participaram o interesse pela Estatística e pelas estatísticas.