Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Educação para os Direitos Humanos | manuais

Amnistia Internacional - Portugal

07.07.20

A Amnistia Internacional lançou um conjunto de manuais que disponibiliza numa nova área do seu site, dedicada à Educação para os Direitos Humanos (EDH).

celebrar.jpg

Download | Ver todos os manuais |



São recursos úteis para as bibliotecas escolares, uma vez que fornecem informação e ideias de atividades para abordar temáticas dos direitos humanos, um dos temas trabalhados nas escolas e que se constitui cada vez mais como essencial na formação dos estudantes.

Existem poucos manuais de referência nestas temáticas em língua portuguesa e por isso se lança esta coleção, para que sejam ferramentas de apoio a professores, educadores, formadores, ou outros profissionais ligados à educação em contextos formais e não formais.

Alguns dos títulos que se apresentam versam sobre temas essenciais da atualidade em direitos humanos e cidadania, e do trabalho da Amnistia Internacional em Portugal e no mundo. Destes são exemplo “Celebrar a coragem dos defensores dos direitos humanos”, “Eu Acolho – direitos humanos das pessoas refugiadas”, “Pobreza e direitos humanos”, “Capacitar contra a tortura”, entre outros.



SOBRE OS MANUAIS

 Estes manuais foram desenhados de forma específica para o contexto português, a partir de materiais das campanhas da Amnistia Internacional. Incluem, em geral, a definição dos principais conceitos do tema, um enquadramento do mesmo nas questões de direitos humanos e exercícios ou dicas para serem levados para o contexto de sala de aula ou para outros espaços educativos.

Destinam-se a docentes, sobretudo, do 3.º ciclo e dos ensinos secundário e profissional, a educadores de outros contextos, inclusivamente não formais, e a outros profissionais ligados ao trabalho social e educativo. Todos os manuais estão disponíveis de forma gratuita.Com o fim das aulas, é tempo de desenvolver novas competências e preparar os conteúdos do próximo ano letivo, para as diversas disciplinas dos currículos escolares.

Os manuais da Amnistia Internacional podem contribuir para esta missão.

ID.png

Download

Com o propósito de responder às necessidades da comunidade que serve, a biblioteca escolar encontra neste documento, de forma facilitada, os caminhos para fazer a sua transição para o digital, constituindo-se como um Hub de inovação no fornecimento de serviços.

Este documento apresenta um conjunto de ações a desenvolver pela biblioteca para garantir uma presença em linha estruturada, coerente e eficaz, tendo como ponto de partida os canais existentes ou a criar.

Referêrencia: 04 • Presença em linha das bibliotecas escolares: roteiro para a definição de uma política. (2020). RBE: Rede de Bibliotecas Escolares. Retrieved 15 May 2020, from https://www.rbe.mec.pt/np4/2558.html

Tirar partido do Google Chrome na educação

Extensões que agilizam o trabalho de estudantes e professores

14.05.20

Sabia que pode tirar partido do Google Chrome adicionando-lhe extensões?

Extensões são pequenas aplicações que facilitam a navegação na web tornando a experiência mais segura e produtiva. 

ryoji-iwata-5siQcvSxCP8-unsplash.jpg

Photo by Ryoji Iwata on Unsplash

 

Como adicionar as extensões?

As extensões são instaladas a partir da Chrome Web Store. Aí encontra as extensões que recomendamos abaixo.

Ao clicar em cada uma delas, tem acesso a todas as informações sobre a extensão, bem como às opiniões dos utilizadores.

Basta clicar em “Instalar”, botão localizado no canto superior direito, e “Adicionar”. A instalação ficará concluída. Com um clique pode usá-la.

store.png

 

A título de exemplo apresentamos quatro extensões que facilitam o trabalho de professores e estudantes:

1. Cite This for Me, para citar páginas web com um clique. 

cite.png

Esta extensão pode promover o respeito pelos direitos de autor e pode ser pretexto para tornar claro, ao estudante, como se passa da informação ao conhecimento.

É o utilizador que escolhe a norma de citação de fontes que quer utilizar.

Cite.png

O "Cite this for me" reconhece automaticamente as etiquetas de autor, título, data e URL. Basta copiar e colar a citação ou exportá-la para citethisforme.com para uma melhor gestão.

 

2. Google Tradutor para traduzir as páginas web enquanto navega na Internet. Esta extensão, como as demais, instala um ícone no canto superior do navegador. Deteta automaticamente o idioma e com um clique faz a tradução para a nossa língua. Quebra barreiras linguísticas, coloca o mundo ao nosso alcance.

translator.png

 

3. Screencastify para a criação, em vídeo, de conteúdos educativos ou de tutoriais. Grava tudo o que acontece no écran (o som e a imagem).

No atual paradigma de ensino a distância, esta extensão torna-se de extrema importância, para educadores e estudantes. Está limitada a 5 minutos, tempo considerado adequado para um tutorial, explicação ou até apresentação de uma atividade. 

Veja aqui, como...:

  1. instalar a extensão;
  2. iniciar a gravação do ecrã;
  3. aceder às gravações e partilhá-las.

 

4. Save to Pocket, para guardar documentos da web, que queremos ler ou consultar mais tarde.

Funciona em todos os dispositivos móveis e no seu computador. Coloca tudo o que guarda de forma organizada, na sua conta. Permite, a um tempo, a leitura fácil e a partilha. Excente ferramenta para fazer curadoria de conteúdos. Útil para educadores e estudantes. 

 

Etiquetas:

Ensinar e aprender desde casa | guias educativos

Biblioteca de Media do Ministério da Educação de Espanha

09.05.20

A pandemia de coronavírus é um "big bang", um antes e um depois, em todas as esferas da sociedade. O confinamento de estudantes e professores nas suas casas quebrou o ritmo e as formas de ensino em sala de aula. Isso leva-nos a usar os recursos da Internet para continuar a ensinar e aprender em casa. 

guias.png

 

Diante desse novo cenário, a Edullab criou a coleção “Ensinar e aprender em casa”, composta por cinco guias que oferecem orientações e diretrizes gerais sobre como organizar e desenvolver o teletrabalho de ensino e a aprendizagem em casa, pela Internet.

Estes são os guias:

 

Cada um deles apresenta recomendações práticas, como um decálogo, sobre como ensinar e aprender a distância através da rede. 

Os guias foram publicados na  Biblioteca de Media do Ministério da Educação de Espanha  e também estão no  portal para famílias  criado pelo Ministério da Educação do Governo das Ilhas Canárias antes do COVID19. 
 
Estes guias são de acesso aberto, livres para descarregar, partilhar e divulgar onde se achar melhor.
 

Esta coleção foi produzida pelo Grupo de Pesquisa e Inovação do Laboratório de Educação e Novas Tecnologias (EDULLAB) da Universidade de La Laguna, em colaboração com a Área de Tecnologia Educativa (ATE) da Direção Geral de Organização, Inovação e Qualidade do Ministério da Educação, Universidades, Cultura e Desportos, do Governo das Ilhas Canárias.

 

ReferênciaColección Enseñar y Aprender desde Casa - EDULLAB. (2020). EDULLAB. Retrieved 9 May 2020, from https://edullab.webs.ull.es/wordpress/ensenar-y-aprender-desde-casa/

Biblioteca Escolar Digital

Serviços, atividades, recursos e instrumentos

17.04.20

i.png

A RBE apresenta a Biblioteca Escolar Digital, que está organizada em três grandes áreas:

Em cada uma das páginas encontra não só as recomendações da RBE para o papel que a biblioteca deve assumir em fase de isolamento social, mas também sugestões de trabalho, organizadas em cinco grandes categorias:

  • Currículo, literacias e aprendizagem 
  • Leitura e literacia 
  • Cidadania 
  • Gestão da biblioteca escolar 
  • Atividades livres em articulação com as famílias 

Este é um recurso que está em atualização permanente.

Etiquetas:

Bibliotecas Escolares • Estamos ON

Biblioteca Escolar Digital

15.04.20

estamos_on.jpg

A 13 de março de 2020 anunciou-se a suspensão das aulas presenciais como forma de contenção da pandemia de Covid-19.

Consciente do papel decisivo das tecnologias digitais e de trabalho a distância, fundamental durante esse período de confinamento, a Rede de Bibliotecas Escolares sugeriu, de imediato, às bibliotecas que aperfeiçoassem a sua presença em linha, tornando-a o mais estruturada e eficaz possível.

Devendo a biblioteca escolar recentrar e projetar o seu serviço e as suas atividades em função dos novos contextos, a RBE recomendou às bibliotecas que procurassem responder às atuais exigências dos seus utilizadores, redirecionando a sua ação para a criação de serviços capazes de apoiar as novas formas de trabalho. Para sustentar essa resposta, foi publicado, a 23 /03 /2020, o documento Biblioteca escolar digital.

Com o objetivo de ajudar os professores bibliotecários a pensar o seu papel nesta conjuntura e no plano de ensino a distância das suas escolas, a Rede de Bibliotecas Escolares disponibilizou, em 08/04/2020, A Biblioteca Escolar no Plano de E@D – Roteiro para professores bibliotecários: um documento orientador, articulado com os princípios para a implementação do ensino a distância (E@D) nas escolas, a ser encarado à luz de cada contexto e apropriado por cada interveniente da forma mais oportuna e adequada.

Com a publicação deste recurso interativo "Biblioteca escolar digital", pretende-se dar continuidade e ampliar o documento publicado em 23 /03 /2020, apresentando-se sugestões de trabalho, curadoria de conteúdos, instrumentos e tutoriais. Este é um recurso que se pretende em atualização permanente.

Ler na fonte >>


 

Biblioteca escolar digital
Biblioteca escolar digital

O Ensina ajuda-te a saber mais!

Milhares de conteúdos audiovisuais de acesso livre

02.04.20

corona.jpg

 

Com milhares de conteúdos audiovisuais de acesso livre, o Ensina pode dar um contributo útil a professores e alunos nesta paragem letiva forçada. Documentários, entrevistas, infografias e peças informativas fazem parte de um acervo diariamente atualizado com materiais provenientes dos canais de televisão e de rádio da RTP. Propomos uma visita guiada ao portal que ajuda a estudar.
 

O portal educativo da RTP está organizado por temas e sub-temas onde se encontram colocados os artigos disponíveis. História, Português , Cidadania, Geografia e Ciência são algumas das áreas mais procuradas, mas também existem conteúdos de Filosofia, Economia, Desporto e outros. Abrindo cada um dos temas é possível aplicar um filtro e descobrir o que existe por ciclo ou por tipologia (áudios, vídeos, infografias, etc.).

A pesquisa geral é ainda a solução mais prática para encontrar o conteúdo desejado (no topo da página inicial, à direita). No entanto, encontrámos outras soluções de organização dos conteúdos, como o artigo de “recursos”, disponível em cada um dos temas mais procurados. Trata-se de uma listagem agrupada por sub-temas, como nestes exemplos: Recursos de Português e Recursos de História (também disponível para Cidadania, Ciência, Geografia e Artes).

O Ensina possui um considerável número de trabalhos sobre literatura portuguesa, como o Memorial do ConventoOs Maias, ou Bichos. Estas obras são tratadas em entrevistas, documentários e pequenas reportagens, nalguns casos com depoimentos dos próprios escritores sobre as mesmas.

Para além dos autores portugueses, estão disponíveis artigos sobre escritores lusófonos de outras nacionalidades, como Clarice LispectorJorge AmadoPepetela e José Eduardo Agualusa. No Cuidado com a Língua e no Bom Português ajudamos quem tem dúvidas sobre a história das palavras e expressões, a ortografia e outros aspetos da gramática.

Botânica, a Biologia e a Astronomia são alguns dos sub-temas presentes na Ciência. A série Visiokids ajuda os mais novos no mundo fantástico da ciência, e o AB Ciência propõe experiências divertidas (algumas para fazer em casa). Aqui se encontra, por exemplo, um documento histórico único, a reportagem sobre a erupção do vulcão dos Capelinhos, mas também peças sobre a fauna e flora portuguesas, tecnologia e geologia.

Pintoresmuseus e instrumentos musicais são conteúdos disponíveis para enriquecer o conhecimento sobre arte, enquanto que o tema de cidadania disponibiliza quatro centenas de artigos divididos segundo a organização proposta pelo Ministério da Educação.  No Ensina Júnior podes encontrar conteúdos dirigidos especialmente para os alunos dos 1º. e 2º ciclos do Ensino Básico, grande parte deles já exibidos no espaço de programação da RTP2 Zig Zag.

Finalmente, e a partir dos materiais disponíveis, elaborámos alguns recursos interativos sobre o corpo humanoos descobrimentos ou o sistema solar, entre outros.

E para quem tem dúvidas sobre o que é o COVID-19 e como podemos proteger-nos, o Ensina também fornece um conjunto de artigos para que ninguém fique sem respostas. São pistas que deixamos neste tempo de paragem letiva, para que continuar a aprender, mesmo sem sair de casa.

 

Referência: Estudar com o Ensina em tempo de COVID-19. (2020). Estudar com o Ensina em tempo de COVID-19. Retrieved 2 April 2020, from https://ensina.rtp.pt/artigo/estudar-com-o-ensina-em-tempo-de-covid-19/

Apoio às Escolas

Sítio web da DGE

25.03.20

apoio.png

Num momento em que as escolas portuguesas se encontram com as atividades presenciais suspensas, a Direção-Geral da Educação (DGE), em colaboração com a Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP), construiu este sítio, com um conjunto de recursos para apoiar as escolas na utilização de metodologias de ensino a distância que lhes permitam dar continuidade aos processos de ensino e aprendizagem.

Este apoio deverá permitir a todas as crianças e jovens:
     - Manter contacto regular com os seus professores e colegas;
     - Consolidar as aprendizagens já adquiridas;
     - Desenvolver novas aprendizagens.

 

Referência: Mensagem Inicial | Apoio às Escolas. (2020). Apoioescolas.dge.mec.pt. Retrieved 25 March 2020, from https://apoioescolas.dge.mec.pt/node/391

Biblioteca de Recursos Digitais

Ensinar e aprender online

14.03.20

bd.png

Os recursos digitais são cada vez mais formativos e educativos, não só porque estão acessíveis a todos, em qualquer lugar e a qualquer hora, mas, sobretudo, porque promovem aprendizagens informais que se consubstanciam nas formais.

Cada educador/professor/formador deverá selecionar o recurso que pretende e apresentá-lo de forma clara e simples, sugerindo-se que siga as quatro etapas apresentadas no post O ensino a distância na escola | etapas e plataformas.

Biblioteca Digital

Clicar na imagem acima para aceder à biblioteca...

Estes recursos, cujo acesso  é aberto e universal e que estão em atualização permanente, estão organizados em cinco tipologias

1. Salas de streaming - tal como o nome indica, aqui, encontra vídeos com potencial educativo, organizados por áreas, como ciência, leitura e até cidadania.

2. Livros digitais - repositório de eBooks para descarregar e/ou ler em diferentes plataformas; disponibilizam-se também audiolivros.

3. Índice de autores - menu organizado por autores que recolhe conteúdos relacionados, muito diversificados e apelativos para utilização educativa. Aqui encontra entrevistas, biografias, documentários..., em suportes variados (podcast, vídeo, imagem, texto...).

4. Os media em revista(s) - revistas temáticas que apresentam artigos atuais e significativos que contribuem para o aprofundamento dos diferentes assuntos. Aqui se encontram artigos nacionais e internacionais, desde a neurociência à gamificação.

5. Podcasts - para os amantes do áudio, aqui se disponibilizam recursos incontornáveis para ambiente educativo/formativo na voz de professores, alunos, mas também especialistas e personalidades de renome em cada uma das suas áreas.

A título de exemplo, apresentam-se duas propostas de atividades criadas e implementadas por professores bibliotecários, a partir desta Biblioteca digital:

1. Aprender nos Media | O artigo de opinião | Agrupamento de Escolas de Ponte de Sor

2. Aprender nos Media | Cidadania | Agrupamento de Escolas de Gavião

Livros digitais | autores portugueses

eBooks | Inclusão

14.02.20

BibliotecaDigital.jpg

Livros digitais de autores portugueses, em .pdf para: estudantes, educadores e público em geral. 

 

***

Biblioteca de Livros digitais inclusivos


RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Twitter



Perfil SAPO

foto do autor