Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



ciência.png

Episódios | Sobre o projeto |

 

A Voz aos investigadores portugueses em 90 segundos de Ciência.

Dos Açores ao Minho, da Madeira à Covilhã, do Algarve a Bragança, e aos que andam espalhados pelo mundo. Das ciências sociais às ciências exatas, passando pelas humanidades.

Duas vezes por dia na Antena 1, de segunda a sexta, antes das onze da manhã e antes das sete da tarde.

O 90 Segundos de Ciência é um projeto do Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier ITQB NOVA, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas – FCSH NOVA, ambos da Universidade Nova de Lisboa, e Antena 1, com o apoio da Novartis e Santander Universidades.

Autoria e outros dados (tags, etc)

jcs4.jpg

17 julho 2019 |

 

O Ministério da Educação nomeou um grupo de peritos para redesenhar o ensino da Matemática. Jaime Carvalho e Silva é o líder e tem a palavra nesta entrevista feita em direto nas manhãs 360 da Rádio Observador.

 

 

Referência: Entrevista a Jaime Carvalho e Silva. (2019). Observador. Retrieved 17 July 2019, from https://observador.pt/programas/direto-ao-assunto/entrevista-a-jaime-carvalho-e-silva

 

Conteúdo relaciondo:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

jla.jpg

foto de Tiago Miranda | texto de Luciana Leiderfarb

 

No princípio era o verbo. Aos 72 anos, João Lobo Antunes voltou a ele como se volta a casa. No seu oitavo livro, defende a intensidade, a decência. A esperança. E com vertigem prepara os que hão de vir

 

Em sonhos ainda opera. Vê-se na sala de operações com uma coluna aberta e diz: sei fazer isto, mas estou cansado, não quero estar aqui. Quando acorda, verifica que era verdade. Já não quer estar ali. Retirado desde junho, e “sem lágrimas”, o que tinha a dizer nesse campo está dito e outras são as paisagens que agora lhe interessam. E onde se situam elas? Em que lugar do mapa? O livro que publicou há semanas, “Ouvir com Outros Olhos” (Gradiva), contém parte da resposta. São ensaios curtos sobre temas que o “obrigaram a pensar”. Alguns deles cortam, como bisturis. Outros arrumam, ordenam o caos. Mas não estão isolados. Inserem-se numa realidade de escrita mais plena que o autor sempre desejou e que uma profissão tentacular o foi deixando exercer até quase não se confundir dela — ele que é um médico de palavras e um dos maiores neurocirurgiões do mundo, um homem que jamais foge a uma pergunta, um professor, um ativo humanista e um ex-conselheiro de Estado, e mesmo assim, como generosamente afirma, um filho “derrotado” pelo pai.

 

Eis o presente de João Lobo Antunes, as palavras. As das memórias que anda a escrever e as de um ‘projeto secreto’: a tradução para português de 50 dos poemas em inglês que a filha Margarida lhe remete diariamente desde que soube da sua doença. Às Janelas Verdes, no escritório onde passa muitas das suas horas, Lobo Antunes dissecou esta nova condição. A de ser médico e estar doente. A de ter mais tempo. E a de ser nutrido — porque sempre foi um bom aluno — pelas experiências dos outros, dos que estavam do outro lado, sob as suas mãos.

 

Em “Ouvir com Outros Olhos”, diz que temeu ficar empedernido com a idade e que os anos o tornaram mais sensível. É o relato de uma mudança?
O título do livro recorre a uma sinestesia que envolve dois sentidos diferentes, o visual e o auditivo. O que eu queria dizer é que olho para as pessoas — e qualquer olhar é uma intrusão — com outra profundidade, para lá da superfície, tentando perceber a sua realidade, a sua identidade. Muita coisa é dita com o olhar. Há anos escrevi que não se pode dizer com os olhos aquilo que se nega com a palavra. Diria que foi a experiência da doença que me tornou mais sensível. Como se tivesse esticado a corda do violino e esta vibrasse ao menor toque, com maior intensidade e frequência. Por isso, mais do que uma mudança sofri uma evolução, que introduziu outra doçura na relação com as pessoas.

 

 

Referência: João Lobo Antunes: “O pessimismo é uma profecia que se cumpre”. (2019). Jornal Expresso. Retrieved 10 July 2019, from https://expresso.pt/sociedade/2015-12-31-Joao-Lobo-Antunes-O-pessimismo-e-uma-profecia-que-se-cumpre

 

Conteúdo relacionado:

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

blogue.png

 

O Projeto “D’ÁQUEM, ALÉM-MAR,” nasceu de uma candidatura ao projeto “LER+MAR”.


A escola, que integra o  Programa “Territórios Educativos de Intervenção Prioritária”, TEIP3, está inserida numa comunidade com contexto socio-cultural  carenciado e com uma população reduzida.


O projeto "D’AQUÉM, ALÉM-MAR,” convocou saberes e competências na construção e comunicação de conhecimentos sobre o MAR – intrinsecamente ligado ao nosso concelho e cultura, mas distante das vivências dos alunos.


Implementou dinâmicas de trabalho cooperativo e colaborativo, desenvolvendo competências a partir do tema estruturante, numa perspetiva multidisciplinar, articulada e transversal que associou as dimensões: literária, ambiental, científica e tecnológica, geográfica, histórica, cultural e artística.


Com o desenvolvimento deste projeto, explorou-se o tema "Mar" nas suas múltiplas potencialidades não só como elemento natural, fonte de vida, bem estar, sua defesa e subsistência, mas também como presença forte na literatura, pintura e demais expressões artísticas.

Fátima Bonzinho
Coordenadora Interconcelhia da RBE

[Texto e locução da professora bibliotecária e coordenadora do projeto, Ana Sequeira]

Autoria e outros dados (tags, etc)

ant.jpg

Escolas a Ler+

Intervenção de António Costa e Silva: Presidente da Comissão Executiva da Partex Oil and Gas e Membro do Conselho de Curadores da Universidade de Aveiro.

Infelizmente não temos a possibilidade de disponibilizar a gravação integral desta comunicação. Aqui ficam os últimos 8 minutos, que sabem a pouco, mas que mostram bem a excelência da intervenção.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ler e Formar Leitores no século XXI – os media, as literacias e as liberdades fundamentais dos cidadãos - Évora

 

Oiça a comunicação de  Maria Madalena Costa Oliveira (Universidade do Minho) no "Painel – A compreensão e o papel dos media na democracia e participação social" :

 

Conteúdo relacionado:

Autoria e outros dados (tags, etc)

ler.png

Ler e Formar Leitores no século XXI – os media, as literacias e as liberdades fundamentais dos cidadãos

 

Oiça aqui a comunicação de Vitor Tomé - "Preparar cidadãos ativos e capazes de ler o(s) mundo(s) hoje: desafios e constrangimentos"  com moderação de Isabel Mendinhos:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

btsd.png

A Biblioteca escolar José Falcão no Facebook.

A biblioteca é a tua melhor aliada na construção do teu conhecimento, na conquista do saber e o espaço onde te sentes bem, porque, afinal, integramos uma Rede pensada para te ajudar a construir o teu futuro.

 

A Escola Secundária José Falcão | História

 

Por decreto de Passos Manuel, publicado no Diário do Governo de 19 de Novembro de 1836, são oficialmente criados os primeiros três liceus em Portugal: o Liceu de Coimbra, o Liceu de Lisboa e o Liceu do Porto.

 

O Liceu de Coimbra substitui o Colégio das Artes (fundado por D. João III em 1548), e muitos dos professores do Liceu vêm do Colégio das Artes, que se extingue, dando lugar ao Liceu, que começa por funcionar precisamente nas instalações que tinham sido do Colégio das Artes. O Liceu de Coimbra constitui uma secção da Universidade de Coimbra (única que existia na época), tanto que os alunos do Liceu de Coimbra trajam capa e batina, o que vai perdurar por mais de um século. A partir de 1870, o Liceu fica instalado no Colégio de S. Bento. Após a implantação da República, o Liceu toma o nome de Liceu José Falcão (1914) e, dado o grande aumento da população escolar, foi criado, em 1928, o Liceu Dr. Júlio Henriques, funcionando ambos no Colégio de S. Bento.

 Ler mais >>

 

Esta biblioteca uma referência da rede nacional das bibliotecas escolares, com vários prémios conquistados, e que conta com mais de 6 mil livros ao serviço dos alunos e ainda 50 mil livros antigos em arquivo muito solicitado por investigadores.

É uma escola onde lecionaram e estudaram grandes referências da literatura portuguesa e que o repórter Horácio Antunes visitou recentemente.

 

Referência: RTP, R. (2019). Biblioteca da Escola Secundária José Falcão já conquistou vários prémiosRtp.pt. Retrieved 27 April 2019, from https://www.rtp.pt/noticias/pais/biblioteca-da-escola-secundaria-jose-falcao-ja-conquistou-varios-premios_a1143161

Autoria e outros dados (tags, etc)

be.png

Apresenta-se a biblioteca escolar (BE) do Agrupamento de Escolas de Castelo de Vide.

 

O blogue, atualizado, mostra a ação da BE e dá acesso a um sem número de recursos das várias áreas disciplinares e níveis de ensino, para alunos e professores. Destaca sítios amigos e similares, bem como a equipa da biblioteca. 

 

 

Créditos:

Música de António Eustáquio do DC "Guitolão"; voz, texto e gravação de Cinda Soares, Agrupamento de Escolas da BE de Castelo de Vide.

Autoria e outros dados (tags, etc)

constancia.PNG

 

Apresenta-se a Biblioteca Escolar  do Agrupamento de Escolas de Constância.

 

Com presença forte na Web, o blogue apresenta-se atualizado, vivo, projetando a biblioteca para fora de portas, abrindo-a à comunidade. O número de visualizações, 90 268,  fala por si. Destaque para a Biblioteca digital e para o conjunto de  Livros digitais.

 

Por sua vez a página web do Agrupamento permite o acesso rápido ao blogue das bibliotecas, a partir do menu de navegação principal.

 

Oiçam agora aqui um pouco da história das bibliotecas escolares deste Agrupamento, na voz do professor bibliotecário, António José Saraiva Marques:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Twitter



Perfil SAPO

foto do autor