Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Miúdos a votos • Resultados 2020

A festa final

27.05.20

miudos_votos_2020.png

 

Apresentamos os resultados da votação nacional da iniciativa "Miúdos a Votos: quais os livros mais fixes?" e damos a conhecer o que alunos e professores fizeram de melhor durante a campanha eleitoral.

Listas de resultados nacionais por ciclo/ nível de ensino

1.º ciclo [PDF]
1º. ciclo
 
2.º ciclo [PDF]
2.º ciclo
 
3.º ciclo [PDF]
3.º ciclo
 
Secundário [PDF]
Secundário
 
Listas de livros mais votados por UO [XLS]
Pesquisa de resultados por UO

Veja também: Miúdos a Votos 
 
Referência: Miúdos a votos • Resultados 2020. (2020). RBE: Rede de Bibliotecas Escolares. Retrieved 27 May 2020, from https://rbe.mec.pt/np4/2565.html

Miúdos a Votos | 2020

Testemunho de Guilherme de Oliveira Martins

27.05.20

Guilherme_d'Oliveira_Martins.jpg

Guilherme d'Oliveira Martins (foto Wikipédia)

 

Guilherme d´Oliveira Martins,  atualmente membro executivo do Conselho de Administração da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG) deixa aqui o seu testemunho sobre a festa final de Miúdos a Votos que o ano passado decorreu nas instalações da FCG.

Afirma a propósito, que, apesar das circunstâncias que vivemos, não podemos deixar de reconhecer que nesta confinação a que estamos sujeitos para nos protegermos, a leitura tem um papel fundamental:

  • Os livros são companheiros insubstituíveis.
  • A leitura é uma companhia extraordinária.

 

Relembra Ruben A., no centenário que se celebra, para afirmar que o livro é um sinal fantástico de ligação à vida e formula a esperança de que, para o ano, voltemos a encontrar-nos ao vivo para dizer que a leitura, a aprendizagem, a educação, a ciência e a cultura são fatores essenciais para afirmar a vida!

Etiquetas:

A festa final de “Miúdos a Votos”

Dia 27, às 6 da tarde

26.05.20

logo-MV-1-787x420.jpg

Dia 27, às 6 da tarde, a grande festa final desta iniciativa promovida pela VISÃO Júnior e pela Rede de Bibliotecas Escolares será transmitida pela internet
 
 

Apesar das escolas estarem fechadas, o projeto «Miúdos a Votos: quais os livros mais fixes?» mantém-se!

A eleição dos livros mais fixes para os alunos portugueses, entre o 1º e 12º anos, foi feita por voto eletrónico (ou seja, através da internet), a 21 de abril.

A votos estavam mais de 40 livros, pelos quais os alunos das cerca de 800 escolas inscritas na iniciativa tinham feito campanha eleitoral durante fevereiro e março, tentando convencer os seus colegas a votarem no livro de que mais gostam. Como não foi possível realizar as eleições presencialmente, a votação decorreu online. E votaram 16 819 alunos!

 Este ano, votaram 16 819 alunos! 

Os resultados da votação nacional serão conhecidas na festa final, que se realiza a 27 de maio, nesse grande palco que se tornou, nos dias de hoje, a internet. Nesse dia, uma quarta-feira, a partir das 6 da tarde, poderá assistir à festa, no sítio da VISÃO Júnior na internet (www.visaojunior.pt) e nas redes sociais. Uma festa em que se divulgará os resultados da votação e se mostrará o que escolas fizeram de melhor durante a campanha eleitoral. E para a qual estão guardadas algumas supresas,

A festa será apresentada por Beatriz Frazão, de 16 anos, que conhecemos da série de televisão «Conta-me Como Foi», em que interpreta o papel de Susana, filha do casal protagonista da série.

Dia 27, às 6 da tarde, contamos contigo!

ReferênciaVisão | A festa final de "Miúdos a Votos". (2020). Visão. Retrieved 26 May 2020, from https://visao.sapo.pt/visaojunior/miudos-a-votos/2020-05-07-a-festa-final-de-miudos-a-votos/

 

Conteúdo relacionado:

visao.jpg

As escolas estão fechadas, mas os "Miúdos a Votos" não param! Realizam-se hoje as eleições para apurar "os livros mais fixes", através de voto eletrónico. Sabe como votar
 

Apandemia de Covid-19 obrigou ao encerramento das escolas, o que nos obrigou também a nós a alterar o calendário de “Miúdos a Votos: quais os livros mais fixes?” e até a maneira como se vão realizar as eleições. Mas tudo continua! As eleições estão a realizar.se hoje, dia 21, através de voto eletrónico, e a festa final a 27 de maio.

A votação está a ser feita na internet, através de um link que os teus professores te devem ter enviado, até às 18h30. Infelizmente, só poderão votar os alunos que tenham computador em casa e uma conta Google, o que quer dizer que todas as regras que se seguem numas eleições a sério não vão ser cumpridas. Mas o voto será secreto (ninguém sabe em que votas, e cada pessoa só poderá votar uma vez.

Como votar

Caso não tenhas recebido o link, deves entrar em contacto com os teus professors e pedi-lo.
Antes de entrares no link, podes rever a lista dos livros candidatos aqui,
Entras nesse link e tens um écrã semelhante a este. Confirma se estás a votar no ciclo certo.

Escreve o nome da tua escola (e do teu agrupamento, se for esse o caso) e assinala qual o subsistema de ensino:

Clica na seta para selecionares o livro em que queres votar:

Clica em submeter e… já está!

Se tiveres dúvidas ou dificuldades, escreve-nos para miudosavotos@trustinnews.pt

 

Referência: Visão | "Miúdos a Votos": as eleições são hoje!. (2020). Visão. Retrieved 21 April 2020, from https://visao.sapo.pt/visaojunior/miudos-a-votos/2020-04-15-miudos-a-votos-ja-sabes-em-quem-vais-votar-no-dia-21/

 

Conteúdo relacionado:

Etiquetas:

Miúdos a Votos | Voto eletrónico

A votação vai ser feita online

16.04.20

Nos Miúdos a Votos deste ano, a votação vai ser feita online. Descobre as diferenças em relação ao voto tradicional

video.png

Carla Luís, membro da Comissão Nacional de Eleições, diz que muitas vezes lhe perguntam, quando vai às escolas, porque é que em Portugal não votamos pela internet. Ela explica:

«Em primeiro lugar o voto deve ser pessoal: quando se vota pela internet não temos certeza de quem está a votar.
Alguém pode usar os teu códigos, ou entrar no teu computador e votar por ti… numas eleições políticas isto seria complicado, e todos ouvimos histórias de ataques informáticos.
Os estudos não demonstram que mais pessoas passem a votar se o voto for pela internet.
Mas o voto pela internet é apenas uma modalidade de voto electrónico, ou seja, formas de votar que não são através de um boletim de voto em papel.
Existem muitas formas de voto electrónico, com máquinas e sistemas muito diferentes. Países como o Brasil ou a Estónia usam, mas a maioria não.
Em Portugal foi testado recentemente, em Évora, nas eleições para o Parlamento Europeu. Mas não está pensado aplicar-se em geral. O voto electrónico tem grandes desafios, como o custo das máquinas! e a tecnologia adequada.
Também é preciso que as pessoas confiem – mesmo aquelas que habitualmente não usam tecnologia (alguns avós, pessoas idosas, ou outras) – pois o voto é um direito universal!
É preciso que o sistema seja auditável e se possa ter certeza de tudo o que se passou dentro máquina, mas sem pôr em causa o segredo do voto – outro aspeto essencial.
Bom, o voto electrónico dava muita conversa. Há muita discussão e não se chegou a nenhuma conclusão de como será o melhor sistema.
Por estes e outros motivos, em Portugal votamos em papel, o modelo clássico.

No Miúdos a Votos, e dadas as circunstâncias, vamos inovar!

Para conseguir fazer a votação este ano, e mesmo não sendo perfeito, vamos votar pela internet.»

 

Referência: Visão | Voto eletrónico. (2020). Visão. Retrieved 16 April 2020, from https://visao.sapo.pt/visaojunior/2020-04-16-voto-eletronico/

 

 

Etiquetas:

Ainda vais a tempo de ouvir os tempos de antena enviados pelas escolas, que têm animado esta edição de "Miúdos a Votos". Encontram-se todos nesta lista, ordenados por ordem alfabética

Com as eleições quase a chegar, no dia 21 de abril, a campanha está a chegar ao fim. Se ainda não te decidiste em quem vais votar, talvez ouvindo os tempos de antena seja mais fácil decidires. A Rádio Miúdos está a transmitir os tempos de antena às 12h30, 18h30 e 20h, até domingo. Podes ouvi-los em direto ou aqui.

 

Conteúdo relacionado:

 

Referência: Visão | Ouve aqui todos os tempos de antena desta campanha eleitoral. (2020). Visão. Retrieved 16 April 2020, from https://visao.sapo.pt/visaojunior/miudos-a-votos/2020-04-15-ouve-aqui-todos-os-tempos-de-antena-desta-campanha-eleitoral/

Etiquetas:

Miúdos a Votos • Votação nacional

«Miúdos a Votos» está ON!

15.04.20

top_miudos_votos.jpg

«Miúdos a Votos» está ON!

Depois de uma campanha extraordinária que decorreu durante o calendário previsto, levar a bom porto uma iniciativa que envolveu tantos alunos e tantos professores, e com tanto empenho, é a melhor forma de fazer justiça ao extraordinário trabalho já desenvolvido. Assim, e apesar da situação que estamos a viver, decidimos manter a realização das eleições dos ‘Miúdos a Votos: quais os livros mais fixes?’ a 21 de abril, e concluir todo o projeto.

Infelizmente, não será possível realizar as eleições presencialmente, como todos gostaríamos. A votação far-se-á eletronicamente. Muitos das regras de umas eleições políticas não poderão ser aplicadas, mas acreditamos que o momento poderá ser aproveitado para traçar diferenças, e, assim, explicar porque são importantes as formalidades cumpridas numas eleições políticas, realizadas presencialmente. Contamos com o apoio da Comissão Nacional de Eleições para prestar esses esclarecimentos. (...)

Ler mais >>

Veja também:
Cartaz [JPG]
Cartaz
 
Informações [PDF]
Informações
 
Podcasts [PDF]
Podcasts

 

Miúdos a Votos | a campanha eleitoral

Centro Escolar de São Francisco

10.03.20

mv.jpeg

Como habitualmente a Revista Visão Júnior acompanha a campanha eleitoral através de reportagens em muitas escolas. Hoje foi mais uma dessas visitas, mas com convidados especiais.

A RBE e a Visão Júnior convidaram os diferentes parceiros da iniciativa, bem como o Ministério da Educação, para sentir o pulso da campanha eleitoral no Centro Escolar de São Francisco.

Assim, a Secretária de Estado da Educação, Susana Amador e dois elementos da Comissão Nacional de Eleições assistiram a uma sessão de esclarecimento dos alunos do 1.º e 2.º ano realizada pelos alunos mais velhos, que lhes explicaram através de uma divertida dramatização porque e como votamos.

Seguiu-se um animado comício no recreio da escola, onde todos tiveram oportunidade de manifestar as suas preferências e angariar apoiantes.

 

Conteúdo relacionado:

Etiquetas:

miudos-a-votos-2019-2020-2-1024x694.jpg

Visto que vários estabelecimento de ensino foram encerrados em consequência do Covid-19 e outras alteraram as suas atividades em função do plano de contingência, decidiu-se adiar o dia das eleições para 21 de abril, depois das férias da Páscoa.

Pede-se desculpa pelo incómodo que esta alteração possa causar, mas a solidariedade com as escolas e as zonas do País afetadas assim obriga.

***

«Miúdos a Votos: quais os livros mais fixes» é uma iniciativa de âmbito nacional.

A eleição dos livros mais fixes decorre no mesmo tempo em todas as escolas, tal como acontece numas eleições políticas.

Assim, a campanha eleitoral prolongar-se-á até à primeira semana depois da Páscoa, terminando a 17 de abril. Dia 20 será o dia de reflexão e a 21, uma terça-feira, realizar-se-á a votação.

 

Etiquetas:

Miúdos a votos • 4.ª edição

Lista dos livros a votos

28.11.19

A Rede de Bibliotecas Escolares e a VISÃO Júnior voltam a organizar a eleição dos livros preferidos das crianças e jovens portugueses, através desta iniciativa que promove a leitura e o desenvolvimento de competências de cidadania ativa. Os números registados no ano letivo transato são indicadores inequívocos do êxito deste projeto: participaram 727 escolas de todo o país (e ainda França, Angola e Moçambique) nas quais votaram 78 382 alunos, em listas constituídas a partir de mais de 23 000 nomeações.

Para além da importância desta ação na promoção da leitura, realizada entre pares, a partir das suas próprias escolhas, a iniciativa Miúdos a Votos constitui um exercício ímpar de cidadania, valorizando a responsabilidade do ato de votar. Este propósito ganha particular relevância num ano em que os cidadãos portugueses exercem o poder político através de sufrágio universal, igual e direto em eleições para a Assembleia da República. Se, por um lado, há uma preocupação crescente com as taxas de abstenção em Portugal, por outro lado, há estudos que sustentam que a probabilidade de as pessoas irem votar aumenta com a sua consciencialização de que o voto é um dever cívico essencial que concorre para a manutenção da democracia. Porque não começar de pequenino?

Como já é do conhecimento geral, nesta iniciativa será dada a possibilidade às crianças e jovens, através de uma eleição realizada em todas as escolas, de votarem no livro de que mais gostam, replicando os procedimentos e as normas de uma eleição real: a do Presidente da República.

Tal como nos anos anteriores, a iniciativa é aberta a todas as escolas, sejam públicas ou privadas, abrangendo alunos do 1.º ao 12.º ano de escolaridade. É também alargada a estabelecimentos de ensino no estrangeiro que lecionem os mesmos anos de escolaridade e que tenham o Português como primeira língua.

calendário, o regulamento e algumas perguntas frequentes estão disponíveis abaixo.

As inscrições das escolas são aqui>>

Aceda aos novos cartazes aqui>>

Terminado o processo de nomeações dos alunos, as listas dos livros que irão a votos já podem ser consultadas abaixo.

Miúdos a votos conta com o apoio da Comissão Nacional de Eleições, do Plano Nacional de Leitura 2027, da Pordata, da Rádio Miúdos e da Fundação Calouste Gulbenkian.

A informação está também disponível no sítio de Visão Júnior.

A edição da festa final do ano passado, que teve lugar no dia 31 de maio na Fundação Calouste Gulbenkian, ainda pode ser vista aqui>>


Veja também:
Regulamento [PDF]
Regulamento
 
Calendarização [PDF]
Calendarização
 
Perguntas frequentes [PDF]
Perguntas frequentes
 
 
 
 
 
 
 
   
1.º ciclo [PDF]
1.º ciclo
 
2.º ciclo [PDF]
2.º ciclo
 
3.º ciclo [PDF]
3.º ciclo
 
Secundário [PDF]
Secundário

Etiquetas:


RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Twitter



Perfil SAPO

foto do autor