Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Jogo INCLU | recursos

Inclusão

05.12.19

inclu1.jpg

Jogo: Os jogos INCLU possibilitam que todas as pessoas, com ou sem deficiência e em particular as crianças, possam jogar em conjunto.

 

Composição: INCLU é um jogo composto por cartas com Letras representadas nos 3 alfabetos (o alfabeto português, o alfabeto manual da LGP e em Braille) e em relevos que permite realizar um conjunto variado de atividades e de jogos, em equipa ou individualmente, que estimulam o desenvolvimento de competências pessoais e sociais entre as crianças e entre elas e seus pais, avós e professores.

 

Objetivo: O objetivo é construir palavras associadas a um determinado Tema utilizando da visão, do tato, de gestos, da fala e da audição.

 

Temas: A cada jogo INCLU está associado um determinado tema.

 

Contém: Os jogos INCLU contêm cartas do Tema, cartas de Letra e carta de Apoio.

 

Idade: Os jogos INCLU são para Todas as pessoas dos 3 aos 99 anos.

 

Atividades e Jogos: Cada jogo INCLU traz consigo um conjunto variado de atividades e jogos, com níveis de aprendizagem, graus de dificuldade e de estratégia e dinâmicas diferentes, em equipa ou individualmente.

 

Etiquetas:

inclusao.png

Download |

To aid school librarians in nurturing inclusive learning communities, AASL tasked a 2019 ALA Emerging Leaders team with developing a guide of reflection activities and resources based on the Include Shared Foundation in the National School Library Standards. Using the scenarios, activities, and resources in this guide, learners and school librarians alike can seek balanced perspectives, global learning, empathy, tolerance, and equity to support inclusive environments within and beyond the four walls of the school library. An infographic and applied framework further support application of these materials in professional development and instructional settings.

 

ReferênciaToolkits. (2019). American Association of School Librarians (AASL). Retrieved 18 August 2019, from http://www.ala.org/aasl/advocacy/tools/toolkits

 

Etiquetas:

livro.PNG

Orrú, Sílvia Ester ; Bocciolesi, Enrico. Educar para transformar o mundo: inovação e diferença por uma educação de todos e para todos / Educar para transformar el mundo: innovación y diferencia por una educación de todos y para todos. Ciudad Madero: Librum, 2019

 

Download (texto completo):

 

É por meio da educação que é possível fortalecer o respeito pelos direitos humanos, a aceitação das diferenças como qualidade própria de todos os seres humanos, bem como aprender a conviver com distintas pessoas e a se constituir sujeito de sua própria história. Por meio de uma educação libertadora é realizável a constituição de uma sociedade cada vez mais democrática e inclusiva. 

 

Com o objetivo de partilhar saberes e ações pedagógicas em prol de uma educação de todos e para todos numa perspetiva de educação democrática, inclusiva e inovadora, é que nasce esta obra a partir de estudos e vivências de professores do Brasil, Chile, Espanha, Itália e Portugal. Os capítulos apresentam perspetivas teóricas e experiências que reconhecem a diferença, a inclusão e a inovação como pilares fundamentais para a educação contemporânea e das futuras gerações. 

 

Nas palavras de Paulo Freire, “ensinar exige a convicção de que a mudança é possível”. Este é o maior sentido desta obra concebida com gosto pelos seus autores: partilhar convicções de que educar pessoas para transformar o mundo, é um ato de amor e de coragem.

 

literacia.PNG

Download | 2017

 

O E-Book Literacia e Inclusão Digital: Boas Práticas em Portugal e em Espanha resulta de um amplo leque de pesquisas sobre Literacia e Inclusão Digital, em Portugal e em Espanha, identifcadas pela Rede ObLID

Cartaz A3 RODA Final.jpg

Programa | Flyer |

 

16 de Maio de 2019 Casa das Artes / Biblioteca Municipal Tomás de Figueiredo Arcos de Valdevez.

Inscrições em: www.cenfipe.edu.pt/

 

Christian Gálvez · Apresentador e divulgador

 

Referência: Da Vinci: no hace falta ser un genio para ser genial. (2019). BBVA Aprendemos Juntos. Retrieved 3 April 2019, from https://aprendemosjuntos.elpais.com/especial/da-vinci-no-hace-falta-ser-un-genio-para-ser-genial-christian-galvez/

inclusao.jpg

 

por Susana Peix
Colaboradora em BiblogTecarios. Escritora, bibliotecária, assessora especialista em literatura infantil, deficiência e acessibilidade. Dirigiu um programa de rádio e assessorou uma produtora de cinema.

 

Biblioteca inclusiva

Para uma biblioteca ser inclusiva não basta eliminar barreiras arquitetónicas. A cadeia de acessibilidade começa na casa do utilizador passa pela via pública e pelo uso ou não de transporte até a entrada da biblioteca. Uma vez dentro da biblioteca, devemos continuar até atingir o nosso objetivo.

Essa cadeia de acessibilidade não deve ser quebrada em nenhuma das suas ligações e, uma vez na biblioteca, bibliotecários e bibliotecárias têm uma tarefa importante a desempenhar: que os serviçosatividades  e coleções documentais sejam acessíveis.

 

O que é uma cadeia de acessibilidade?

É o conjunto de ações que uma pessoa planeia realizar, desde o ponto de partida até ao seu objetivo que inclui circulação, abordagem, acesso, uso, etc. Feito  com independência, facilidade e sem interrupções .

desenho de uma cadeia de acessibilidade

Se alguma dessas ações não for possível, a cadeia é cortada e o itinerário, espaço ou situação fica inacessível .

 

Por onde começo?

Esta pergunta é muito mais fácil de responder do que pensa. Em primeiro lugar devemos Mudar o chip!

 

 

*Traduzido do espanhol.

Referência: Peix, V. (2019). Biblioteca inclusiva... ¿Por dónde empiezo? - BiblogTecariosBiblogTecarios. Retrieved 13 March 2019, from https://www.biblogtecarios.es/susanapeix/biblioteca-inclusiva-por-donde-empiezo-accesibilidad/

 

Conteúdo relacionado:

jne.PNG

Já está disponível no sitio do Júri Nacional de Exames, o Guia para Aplicação de Adaptações na Realização de Provas e Exames - 2019.

 

 

Cuerdas é uma curta-metragem de animação de Espanha que foi escrito e dirigido por Pedro Solís García em 2013.

Recebeu o Prêmio Goya de melhor curta-metragem de animação em 2014[1].

A curta-metragem conta a história de uma menina que se tornou amiga de um menino que tem paralisia cerebral.

 

Referência textualCuerdas. (2018). Pt.wikipedia.org. Retrieved 3 December 2018, from https://pt.wikipedia.org/wiki/Cuerdas

 

madeira.PNG

e-Books - Leitura inclusiva |

 

Conteúdo relacionado:

 


RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Twitter



Perfil SAPO

foto do autor