Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]
































Testemunho sobre uma das sessões PORDATA:

Se os números, por si só, não explicam a realidade, a verdade é que a Biblioteca Escolar Diógenes Vidal, do Instituto de Promoção Social de Bustos, testemunhou bem o seu interesse perante a oportunidade e o desafio lançados, pelo terceiro ano consecutivo, através da formação e concurso Pordata/RBE, preenchendo a tarde formativa do passado dia 3 de dezembro com um número muito significativo de participantes. 

A presença dos 41 alunos, das turmas do 10.º, 11.º e 12.º anos dos cursos científico-humanísticos e de ciências socioeconómicas, e de 5 professores das áreas de economia, geografia, matemática e história deste estabelecimento de ensino particular e cooperativo foram bem a evidência do caminho que foi promovido pela BE, claramente enriquecido, naquela sessão, pelo formador da Pordata, Dr. Bernardo Gaivão.

Foi, decerto, mais um significativo passo na promoção da literacia, na sua ampla aceção, enquanto "cultura global", tal como o afirma José Afonso Furtado em Uma Cultura da Informação para o Universo Digital. Se, segundo este autor, "os tempos de informação dedicados serão por si tanto mais eficazes se puderem ser seguidos de projetos de maior fôlego, como itinerários de descoberta e trabalhos pessoais enquadrados", então é nossa convicção que a semente lançada encarregar-se-á de dar os seus frutos com os trabalhos que os alunos irão realizar, tendo como ponto de partida a excelente base de dados Pordata. Facultando informação relevante, rigorosa e isenta sobre um amplo conjunto de temas de interesse curricular, constitui um instrumento pedagógico de maior valia no âmbito da articulação da biblioteca escolar com o currículo.

Isabel Nina
Coordenadora interconcelhia



RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor