Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






Prémio Branquinho da Fonseca

O Prémio Branquinho da Fonseca foi atribuído às obras O Cotão Simão, da autoria de Ana Rita Rufino Faustino e O Primeiro País da Manhã, de Ricardo Gonçalves Dias. Os dois trabalhos acabaram ex-aequo e foram escolhidos de um conjunto de 16 obras candidatas na modalidade de literatura para a infância. O Júri deliberou, ainda, distinguir com uma Menção Honrosa O Vulcão Sopão, da autoria de Elisabete Catarino, pelo caráter didático e formativo da obra e pela sua atualidade temática. No que diz respeito à modalidade Juvenil, o Júri decidiu não atribuir o Prémio por considerar que, dos originais apresentados, nenhum atingiu o grau de exigência que se impôs desde que o Prémio foi instituído.



RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor