Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






A bibliotecária Lília Virgínia Martins Santos, da Escola Municipal Padre Francisco Carvalho Moreira, foi agraciada com o prémio “Da Vinci Huis – International Association of School Librarianship (IASL Fund)”, criado em 2009 por Alfred K. Boekhorst para   promover a inserção na comunidade profissional internacional, suportando os custos da participação de jovens bibliotecários escolares brasileiros no Congresso da IASL - International Association of School Librarianship (27.Set.-02.Out. de 2010, Brisbane, Austália).
Lília Santos é responsável por outras cinco bibliotecas que integram a Rede de Bibliotecas Escolares, criada em 1997 e coordenada pela Secretaria Municipal de Educação SMED, que hoje reúne 181 bibliotecas de escolas da capital de Belo Horizonte. Mantém um blog desde 2009 com o objetivo de incentivar a leitura e difundir as atividades realizadas por uma biblioteca estruturada, com acervo organizado fruto de um trabalho em conjunto com professores e a coordenação.
Notícia recebida via Katharina Berg.
Ler mais >>

Autoria e outros dados (tags, etc)



RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Twitter



Perfil SAPO

foto do autor