Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





















No rescaldo do Dia dos Namorados, abençoadamente a uma 6ª feira e, portanto, entrando pelo fim de semana,  um fragmento do Romeu e Julieta de Shakespeare, Acto II, Cena II, na  tradução de H. de Vasconcelos: "A minha entrega é tão absoluta como o mar, o meu amor tão profundo; quanto mais te dou, mais tenho, porque ambos são infinitos."



RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor