Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blogue RBE

Qui | 11.07.19

Maria Alberta Menéres | 1930-2019

 

Autobiografia

Prometi, é verdade. Prometi escrever aqui para o Jonal de Letras a minha Autobiografia. Foi um convite que muito me sensibilizou e mesmo entusiasmou. Mas logo a seguir me afligiu. E depois me apavorou. Telefonei então - tarde e a más horas, reconheço, só para dizer que não ia corresponder a tal convite, porque de repente reparei que havia peripécias da minha vida, tão incríveis que ninguém ia acreditar que fossem reais! Não consegui provar que esta fosse uma grande razão para desistir, e por isso aqui estou, incautamente contando algumas verdades da minha vida.

 

- Nasci no dia 25 de Agosto de' 1930, em Vila Nova de Gaia. Naquele tempo, era muito habitual nascer em casa, com assistência de um médico de família. Lembro-me perfeitamente de nascer. Lembro-me de ter sido o meu pai quem me recebeu nós seus braços e me levou para um sofá amarelo que estava ali no quarto deles. Primeiro, fiquei sossegada, mas de repente comecei a espernear e ouvi claramente a minha mãe dar um grande grito: «Ai, a menina!». O meu pai correu e conseguiu apanhar-me já no ar, entre o sofá e o chão. - Durante largos anos, aquela sensação de cair, desse dia, fez com que, volta não volta, eu passasse a acordar de noite e sempre à mesma hora do meu nascimento, arrepiada pelo meu próprio grito. Um dia, esse grito acabou, sem qualquer razão. Mas não acabou na minha memória, todo o tempo que vivo (a cores, e com o entendimento de uma especial situação). Sempre pensei que este fosse um caso único no mundo, mas um dia li numa revista médica cujo nome não guardei, que há mais casos destes no mundo, embora sejam muitíssimo raros. Entretanto, nasceram as minhas duas irmãs mais novas, mais «normais» ...

 

 

 

Maria Alberta Menéres, Jornal de Letras 2006

 

Conteúdo relacionado:

Qua | 10.07.19

Recursos para produzir Media na escola | caixa de ferramentas

Já pensou em incentivar os seus alunos a criarem conteúdos em áudio, vídeo, foto e texto? Veja a lista de recursos gratuitos selecionados pelo Porvir

porvir.png

  • Mão na Massa. Saiba o que muda quando a aprendizagem passa pelas mãos a partir de experiências que o Porvir conheceu e prepare-se para imaginar, ligar, apertar, errar e construir

 

 

 

Ter | 09.07.19

Educar para transformar o mundo: inovação e diferença por uma educação de todos e para todos | e-book

livro.PNG

Orrú, Sílvia Ester ; Bocciolesi, Enrico. Educar para transformar o mundo: inovação e diferença por uma educação de todos e para todos / Educar para transformar el mundo: innovación y diferencia por una educación de todos y para todos. Ciudad Madero: Librum, 2019

 

Download (texto completo):

 

É por meio da educação que é possível fortalecer o respeito pelos direitos humanos, a aceitação das diferenças como qualidade própria de todos os seres humanos, bem como aprender a conviver com distintas pessoas e a se constituir sujeito de sua própria história. Por meio de uma educação libertadora é realizável a constituição de uma sociedade cada vez mais democrática e inclusiva. 

 

Com o objetivo de partilhar saberes e ações pedagógicas em prol de uma educação de todos e para todos numa perspetiva de educação democrática, inclusiva e inovadora, é que nasce esta obra a partir de estudos e vivências de professores do Brasil, Chile, Espanha, Itália e Portugal. Os capítulos apresentam perspetivas teóricas e experiências que reconhecem a diferença, a inclusão e a inovação como pilares fundamentais para a educação contemporânea e das futuras gerações. 

 

Nas palavras de Paulo Freire, “ensinar exige a convicção de que a mudança é possível”. Este é o maior sentido desta obra concebida com gosto pelos seus autores: partilhar convicções de que educar pessoas para transformar o mundo, é um ato de amor e de coragem.

 

Ter | 09.07.19

Pós-Graduação Educação Literária e Literatura para a Infância e Juventude | escola superior de educação de viana do castelo

formacao.PNG

 

A pós-graduação em Educação Literária e Literatura para a Infância e Juventude b-learning, apresenta-se como uma resposta às necessidades de formação especializada na área sentidas no terreno.

Com efeito, a proliferação editorial para a infância, aliada às recentes diretrizes governamentais no domínio da Educação literária, contrastam com a escassa oferta de formação de mediadores em geral, e de docentes em particular.

 
 

​Esta pós-graduação alia um conjunto diversificado de aproximações ao livro literário para a infância e juventude (género, ilustração, edição…) a uma componente prática de experimentação de técnicas de abordagem a este produto estético, sob o ponto de vista artístico, formativo e afetivo, constituindo, deste modo, um importante meio de formação para todos aqueles que, conscientes do poder da leitura, procuram respostas para aproximar o livro do seu leitor preferencial, numa perspetiva de  formação não apenas leitora e literária, mas também de cidadania ativa.

A modalidade b-learning permite que o curso se torne acessível a alunos a residir em qualquer ponto do país, e também no estrangeiro.

Ter | 09.07.19

III Jornadas Interconcelhias Bibliotecas de Amares, Terras de Bouro e Vila Verde | a leitura cria. a leitura transforma. bibliotecas, ciência e tecnologia.

cartaz.PNG

Informação - sítio oficial | Inscrições |

 

As III Jornadas Interconcelhias são promovidas pelas bibliotecas escolares e municipais de Amares, Terras de Bouro e Vila Verde, com a colaboração das Câmaras Municipais dos três concelhos, em parceria com a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) e o Centro de Formação do Alto Cávado (CFAC). Encontro acreditado pelo C.C.P.F.C. como Curso de Formação com a duração de 25 horas.

 

As III Jornadas têm como destinatários educadores e professores de todos os níveis de ensino e também profissionais ligados ao trabalho das bibliotecas.

 

Será, no entanto, dada prioridade aos docentes dos agrupamentos/escolas e aos profissionais ligados ao trabalho dos concelhos de Amares, Terras de Bouro e Vila Verde. 

 

Seg | 08.07.19

A Par e Passo, Todos Juntos vamos Construir o Futuro | encontro de educação

Manuela Silva, Coordenadora Nacional da Rede de Bibliotecas Escolares

 

O município de Figueira de Castelo Rodrigo juntou durante dois dias alunos, professores e especialistas para promover práticas Educativas Inovadoras.

 

Conteúdo relacionado:

Seg | 08.07.19

Projeto D’ÁQUEM, ALÉM-MAR | agrupamento de escolas de torrão

blogue.png

 

O Projeto “D’ÁQUEM, ALÉM-MAR,” nasceu de uma candidatura ao projeto “LER+MAR”.


A escola, que integra o  Programa “Territórios Educativos de Intervenção Prioritária”, TEIP3, está inserida numa comunidade com contexto socio-cultural  carenciado e com uma população reduzida.


O projeto "D’AQUÉM, ALÉM-MAR,” convocou saberes e competências na construção e comunicação de conhecimentos sobre o MAR – intrinsecamente ligado ao nosso concelho e cultura, mas distante das vivências dos alunos.


Implementou dinâmicas de trabalho cooperativo e colaborativo, desenvolvendo competências a partir do tema estruturante, numa perspetiva multidisciplinar, articulada e transversal que associou as dimensões: literária, ambiental, científica e tecnológica, geográfica, histórica, cultural e artística.


Com o desenvolvimento deste projeto, explorou-se o tema "Mar" nas suas múltiplas potencialidades não só como elemento natural, fonte de vida, bem estar, sua defesa e subsistência, mas também como presença forte na literatura, pintura e demais expressões artísticas.

Fátima Bonzinho
Coordenadora Interconcelhia da RBE

[Texto e locução da professora bibliotecária e coordenadora do projeto, Ana Sequeira]

Sab | 06.07.19

O Valor da Leitura | antónio costa e silva

ant.jpg

Escolas a Ler+

Intervenção de António Costa e Silva: Presidente da Comissão Executiva da Partex Oil and Gas e Membro do Conselho de Curadores da Universidade de Aveiro.

Infelizmente não temos a possibilidade de disponibilizar a gravação integral desta comunicação. Aqui ficam os últimos 8 minutos, que sabem a pouco, mas que mostram bem a excelência da intervenção.

Qui | 04.07.19

Programa de Literacia Familiar "Conto Contigo" - Fundação Aga Khan | app

conto.PNG

Apple store | Google play

 

No âmbito do Programa de Literacia Familiar Conto Contigo (PLFCC) da Fundação Aga Khan (AKF) foi desenvolvida uma app que visa promover hábitos e práticas de literacia familiar que tenham impacto no desenvolvimento de competências de literacia emergente - referidas na investigação como preditoras do sucesso na aprendizagem da leitura e da escrita.
 
 
Os Programas de Literacia Familiar têm vindo a ser amplamente recomendados dado que a sua avaliação revela que são uma medida eficaz de combate ao insucesso escolar.
 
 
O PLFCC está a ser implementado em parceria com a Rede de Bibliotecas Escolares, as bibliotecas públicas e municipais, de norte a sul do país, no âmbito de protocolos estabelecidos entre a AKF Portugal, a RBE e a DGLAB e inscrito como contributo para o Plano Nacional de Leitura.
 
 
 A sua implementação, apoiada pela utilização de um Guia de Implementação que é disponibilizado a todos os interessados, prevê a realização de sessões lúdicas, com famílias e crianças em idade pré-escolar. Para maximizar o trabalho realizado nas sessões e para chegar a mais famílias, a AKF desenvolveu  com o CITI/ FCSH, a app Conto Contigo que está disponível para ser descarregada gratuitamente na apple store e na google play.
 
Esta app permite aos utilizadores receberem notificações no seu telemóvel com sugestões de atividades muito simples e divertidas que podem realizar com as crianças e que promovem a sua descoberta da linguagem escrita, preparando-as para a entrada na escola. Os utilizadores podem ainda optar por receber outro tipo de notificação "Dicas" que contém informações fáceis de perceber sobre a forma como os pais podem apoiar as crianças na descoberta da linguagem escrita.
 
 
 O utilizador escolhe também a periodicidade com que quer receber as notificações e a melhor hora do dia.
 
 
A app tem ainda um repositório de notificações para que as famílias possam realizar as atividades quantas vezes desejarem.
 
 
Esta app pretende ser útil a Educadores de Infância, Professores Bibliotecários, Bibliotecários, entre outros.
 
 
 
Conteúdo relacionado: