Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O simples registo dos acontecimentos ou uma colecção de observações não resolvem a nossa ignorância e as nossas incertezas sobre o mundo. Só analisando e relacionando esses dados começamos a encontrar sentido, a compreender o estado das coisas. A Pordata - Base de Dados Portugal Contemporâneo,  fornece-nos estes dois níveis sobre os nossos últimos 50 anos: dados e informações. Rigorosos, pertinentes, claros e confiáveis. Organizados em temas, subtemas, quadros e séries, para um acesso que se pretende rápido e facilitado. Possibilitando a visualização em tabelas e gráficos, a consulta de percentagens e variações, a construção de quadros em função dos interesses de quem pesquisa e até a criação de uma área pessoal de trabalho.


Sessão na ES Leal da Câmara

Mas esse manancial de informações implica uma condição fundamental - actores sociais capazes de transformar dados e informação em conhecimento, o que, no contexto da escola e da biblioteca, converte a Pordata num instrumento com grandes potencialidades pedagógicas. Quadros e séries de dados estatísticos e variações numéricas usados segundo a “metodologia espontânea” (passe a contradição) do copiar e colar, não chegam para fazer um trabalho escolar, qualquer que seja o tema escolhido – a população, o emprego e os salários, a saúde, o clima ou outro qualquer. Os números que a Pordata nos oferece estão ali como uma matéria prima, uma excelente matéria prima, aliás, que exige e simultaneamente nos facilita o exercício de  faculdades como as da interpretação, do raciocínio e da reflexão, imprescindíveis para atingirmos o patamar das literacias e do conhecimento.



Sessão na ES Leal da Câmara

Conscientes de que a sociedade de informação tem de ser uma sociedade de aprendizagem, Pordata e RBE começaram a ensaiar no terreno uma formação dirigida a professores bibliotecários e alunos, sensibilizando e ensinando para a utilização e exploração da Pordata na escola. A 1ª sessão decorreu no passado dia 22, na Biblioteca da Escola Secundária de Leal da Câmara e abrangeu o professor bibliotecário e um grupo reduzido de alunos desta e de outras escolas do concelho de Sintra – Secundárias Matias Aires e Gama Barros e Escola Básica 2/3 Galopim de Carvalho. Professores e alunos formandos, que também receberam um manual de formação,  terão agora a responsabilidade de multiplicar a acção nas suas escolas e bibliotecas. O próximo passo Pordata/RBE, será alargar esta formação a várias zonas do país.



Sessão na ES Leal da Câmara

 
A base de dados Pordata está acessível a todos os públicos e a sua informação empírica,    validada e organizada, em permanente crescimento e actualização. No que às bibliotecas escolares diz respeito,  além  de  ajudar a construir uma imagem mais objectiva do país que somos, a Pordata pode e deve constituir uma valiosa ferramenta  de promoção das literacias e do conhecimento, em estreita colaboração com os professores.

Consulte a Pordata aqui >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

Alice no País das Maravilhas






Alice in Wonderland, 1915, parte 3 de 5:

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas:



No âmbito do Programa da Rede de Bibliotecas Escolares, decorreu, no passado dia 15 de Junho, na Escola Secundária de Cantanhede, o Encontro Interconcelhio Práticas Partilhadas, que congregou os Professores Bibliotecários dos concelhos de Anadia, Águeda, Albergaria-a-Velha, Cantanhede, Estarreja, Oliveira do Bairro e Montemor-o-Velho.

Na génese do evento, promovido pela CIBE dos referidos concelhos, em colaboração com a Direcção Regional de Educação do Centro e a Escola Secundária de Cantanhede, encontra-se a partilha de práticas com impacto na formação dos alunos e no processo de ensino/aprendizagem, considerando a imprescindibilidade do trabalho colaborativo e o desenvolvimento das competências de literacia.

Construir a casa a partir dos alicerces - Escola Secundária de Cantanhede
Biblioteca Escolar e Sala de Aula: pontos de encontro - Agrupamento de Escolas de Montemor-o-Velho
Plano integrado para a literacia da informação - Escola Secundária Marques de Castilho
Para além das quatro paredes - Agrupamento de Escolas da Carapinheira
Aprender com a biblioteca - Agrupamento de Escolas de Cantanhede
A BE numa Escola TEIP - Escola Básica Integrada de Pardilhó

Foram estas as práticas apresentadas neste encontro que, para além de contribuir para a melhoria da acção das bibliotecas escolares, possibilitou ainda o estreitamento de laços interpessoais. Esta experiência irá potenciar a partilha de recursos pedagógicos, visando  estratégias inovadoras que produzam resultados ao nível das aprendizagens e das práticas docentes.

Isabel Nina
Coordenadora Interconcelhia

Autoria e outros dados (tags, etc)

Centenário da República 1910-2010



Cartaz da exposição de Desenho Humorístico e Caricatura na I República, patente nos Paços do Concelho de Lisboa.

Ler mais >>

Autoria e outros dados (tags, etc)



Um concurso escolar sobre o tema da União Europeia, para alunos do 1º ao 12º ano, promovido pela APGICO - Associação Portuguesa de Criatividade e Inovação em associação com o Centro de Informação Europeia Jacques Dellors.






Informações e inscrições aqui >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas:


No Museu Nacional da Imprensa, inaugura hoje, às 17,30h,  o PortoCartoon World Festival 2010.

Ler mais no Museu Virtual do Cartoon >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas:


Logo, às 18h, na Fundação Calouste Gulbenkian, realiza-se a última conferência do ciclo A Matemática e os seus encantos. Tema/título da conferência de hoje: a simetria passo a passo.

Ler mais >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

Biblioteca fora d’horas, invadiu a EB 1 da Ribeira, escola do Agrupamento Grão Vasco, em Viseu, desassossegando alunos, famílias, professores e funcionários, desencaminhando tudo e todos para a descoberta de novos caminhos de múltiplas e variadas leituras!

 




Biblioteca fora d’horas, aqui >>

Autoria e outros dados (tags, etc)



Muito antes dos Ipads e dos Kindles, houve outros momentos de descontinuidade nas tecnologias de impressão e  nos sistemas de informação, como acentua esta breve história do livro publicada pelo The Wall Street Journal. Aqui >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas:


Um artigo do School Library Journal refere que  estudos envolvendo mais de 1600 bibliotecários escolares do Estado de Nova Iorque e 800 entidades de diferentes regiões e grupos demográficos revelam que, mesmo depois de controlado o nível de pobreza, os estudantes de escolas com bibliotecários certificados têm, em média, melhor pontuação ao nível da leitura, do que estudantes de escolas elementares sem bibliotecário. Os sítios a que o artigo alude também merecem uma visita.


Ler aqui >>

Autoria e outros dados (tags, etc)



RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Ligações

Sítios Institucionais


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Twitter_