Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



ler.jpg

 por Juan Cruz | ler na fonte

 

grupo ERI da Universidade de Valência é uma das equipas de pesquisa de leitura mais produtivas de Espanha. Uma das suas linhas de pesquisa é a compreensão de textos na internet e, anteriormente, comentei alguns dos seus trabalhos:  Os problemas dos nativos digitais com textos digitais e a compreensão de hipertextos . Uma de suas últimas publicações é O desenvolvimento de habilidades de leitura na Internet baseadas na compreensão de adolescentes.

 

Este artigo descreve uma investigação em que foram coletados dados de 558 alunos do 1º ao 4º do ESO. Foram avaliados: a compreensão de textos numa tarefa complexa realizada em linha, a navegação realizada na tarefa, a frequência de leitura na internet (com objetivos sociais ou de informação), a leitura de palavras, a capacidade de leitura com textos impressos e a autoeficácia percebida no uso de computadores e da internet.

 

A variável que apresentou maior correlação com a compreensão dos textos na Internet foi a compreensão dos textos impressos, seguida da capacidade de descodificação (medida pelo teste de separação de palavras), da autoeficácia percebida no uso de computadores e da Internet e do uso da internet para procurar informações. O uso da internet com um objetivo social não se correlacionou com a compreensão de textos na internet.

 

No modelo de regressão construído pelos autores, incluíram-se outras variáveis ​​como o curso, género ou tipo de navegação realizado durante a tarefa de leitura na internet. As variáveis ​​que contribuíram para a explicação dos resultados da compreensão na internet foram: compreensão dos textos impressos, uso da internet com objetivos informacionais, número de questões a que eles decidiram responder, tempo gasto na navegação e leitura dos conteúdos (o qual foi relacionado negativamente com compreensão), número de visitas a páginas relevantes dividido pelo número total de visitas, curso e género (melhor compreensão em meninas).

 

Os autores apontam três implicações educacionais deste trabalho, quais sejam:

 

  1. A compreensão de textos impressos está intimamente relacionada com a compreensão de textos na internet, portanto, deve ser trabalhada de forma sólida.
  2. As habilidades de navegação proporcionam uma melhoria adicional ao que pode ser previsto a partir da compreensão dos textos impressos, pelo que o seu desenvolvimento deve ser considerado e planeado na escola.
  3. O uso da internet para fins sociais não se traduz numa melhor compreensão dos textos da internet, ao passo que o seu uso como ferramenta de aquisição de informações o faz. Portanto, devemos promover esse tipo de uso entre adolescentes.

 

Tradução livre a partir do espanhol.

 

Factores que influyen en la comprensión de textos en internet. Algunos datos de adolescentes.

Referência: Factores que influyen en la comprensión de textos en internet. Algunos datos de adolescentes.. (2018). Comprensión lectora basada en evidencias. Retrieved 4 May 2018, from https://clbe.wordpress.com/2018/05/02/factores-que-influyen-en-la-comprension-de-textos-en-internet-algunos-datos-de-adolescentes/amp/

 

Conteúdo relacionado:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

lendo.jpg

 Durant, David. “Reading in a Digital Age“. 

The Charleston Briefing, Ann Arbor, Michigan:

University of Michigan, 2017

 

Como está a mudar a leitura no ambiente digital? Como continuará a mudar? Caminhamos para um futuro completamente digital? O livro impresso tem apesar de tudo um lugar no ambiente de leitura digital? Importa o formato? Que nos dizem os leitores que querem? Esta breve monografia oferece a bibliotecários, editores, provedores e outros, uma descrição geral destes temas chave, assim como conselhos sobre como as suas instituições devem abordar a controvérsia impresso vs. digital.

 

Tradução livre do espanhol.

 

Visto aqui:

Arévalo, J. (2018). La lectura en la era digital. Universo Abierto. Retrieved 12 January 2018, from https://universoabierto.org/2018/01/06/la-lectura-en-la-era-digital/

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Ligações

Sítios Institucionais


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Twitter_