Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



esc.png

 Ver na fonte - INE |

 

Finalistas da fase nacional

 

Terminou a fase nacional da Competição Europeia da Estatística (European Statistics Competition) – ESC2018, dinamizada a nível europeu pelo Serviço de Estatísticas da União Europeia (Eurostat) e, em Portugal, pelo Instituto Nacional de Estatística.

 

Por favor, clicar no ficheiro .pdf para ver os trabalhos.

 

Conjugando os resultados obtidos nas duas avaliações que constituíram esta fase da ESC2018, foram apurados os seguintes finalistas:

Categoria A

  Equipa Pontuação final Escola
       
1.º Sigma (pdf) 96.675 Agrupamento de Escolas Vieira de Araújo (Vieira do Minho)
       
2.º Fractais (pdf) 96.000 Escola Básica e Secundária Ferreira de Castro (Oliveira de Azeméis)
       
3.º Trivium (pdf) 95.925 Escola Básica e Secundária Artur Gonçalves (Torres Novas)
       
4.º ZINCA (pdf) 94.600 Escola Secundária Dr. João Manuel da Costa Delgado (Lourinhã)
       
5.º Cim-Macs (pdf) 93.500 Escola Secundária de Camões (Lisboa)

 


 

Categoria B

  Equipa Pontuação final Escola
       
1.º SétimoTOP (pdf) 98.900 Externato Santa Joana (Ermesinde)
       
2.º m.m.c (pdf) 97.775 Escola Secundária João de Araújo Correia (Godim - Peso da Régua)
       
3.º Girls_CJD (pdf) 97.550 Colégio Júlio Dinis (Porto)
       
4.º Tatistica3 (pdf) 93.850 Escola Básica e Secundária Amélia Rey Colaço (Oeiras)
       
5.º Madje (pdf) 93.250 Colégio Valsassina (Lisboa)

 


As três equipas com a pontuação mais alta de cada categoria ficaram automaticamente apuradas para participar na fase europeia da Competição.

O Instituto Nacional de Estatística congratula-se com o grau de participação obtido e felicita cada um dos participantes, com natural destaque para os vencedores e os finalistas. Simultaneamente, manifesta a sua expectativa de que esta Competição tenha contribuído para incentivar em todos os que nela participaram o interesse pela Estatística e pelas estatísticas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas:

alea.png

 

O ALEA – Ação Local de Estatística Aplicada – é um projeto de parceria que visa a elaboração e disponibilização de instrumentos de apoio ao ensino e à aprendizagem da Estatística.

 

O ALEA foi apresentado publicamente em 1999, com o propósito de proporcionar instrumentos relativos à compreensão, à utilização e ao ensino da Estatística, destinados essencialmente aos docentes e alunos do ensino secundário. A natureza e o âmbito da atividade que desenvolveu desde então justificaram o prémio internacional de “Best Cooperative Project Award” que lhe foi atribuído em 2007.

 

Mas era tempo de mudar! Por isso, as entidades que, em parceria, dinamizam o ALEA – Instituto Nacional de Estatística, Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares e Escola Secundária de Tomaz Pelayo – apresentam agora um novo Portal ALEA (www.alea.pt).

 

Mantendo-se o propósito e a natureza dos conteúdos – promover a literacia estatística junto da comunidade educativa, em especial, mas também da sociedade em geral – dá-se-lhes um novo formato.

 

Pretende-se, assim, tornar esses conteúdos mais claros e acessíveis, a navegação mais simplificada e com melhor usabilidade, e também estar adaptado à nova realidade das redes sociais.

 

Conteúdo relacionado:

Autoria e outros dados (tags, etc)

estatistica.png

 Fonte | INE |

 

Realiza-se no ano letivo 2017/18, a Competição Europeia da Estatística (European Statistics Competition – ESC), dinamizada pelo Serviço de Estatísticas da União Europeia (Eurostat) e por alguns Institutos Nacionais de Estatística, entre os quais o INE de Portugal.

 

Esta iniciativa visa:
• Promover a curiosidade e o interesse dos alunos pela estatística;
• Incentivar os professores a utilizar novos materiais para ensinar estatística, incrementando a utilização de dados estatísticos oficiais e a aplicação do conhecimento adquirido;
• Mostrar aos alunos e aos professores o papel da estatística em vários aspetos da sociedade, tornando-a conhecida como um campo de estudos de nível universitário;
• Promover o trabalho de equipa e a colaboração com vista a alcançar objetivos comuns.

 

Competição Europeia da Estatística terá duas fases: a primeira, a nível nacional, apurará os finalistas para a seguinte, de âmbito europeu. Em ambas, podem participar alunos do ensino secundário (categoria A) e do 3.º ciclo do ensino básico (categoria B). As equipas terão até 3 alunos + 1 professor/ tutor.

 

No âmbito da colaboração existente entre o Instituto Nacional de Estatística e a Rede de Bibliotecas Escolares, os professores bibliotecários estarão diretamente envolvidos na promoção desta competição no seio das escolas.

 

As regras para a participação, o registo de participantes (possível a partir de 6 de novembro de 2017) e o calendário da competição estão disponíveis em: esc2018.ine.pt.

 

Os participantes não necessitarão de se deslocar, em nenhuma das fases, para fazer as avaliações.

 

As equipas vencedoras da fase europeia, em cada uma das categorias, terão as viagens pagas à cerimónia de entrega dos prémios na European Conference of Quality in Official Statistics (Q2018), que terá lugar em Cracóvia (Polónia), de 26 a 29 de junho de 2018.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas:

european.png

A Estatística tem finalmente o seu próprio dia: 20 de Outubro passa a ser o Dia Mundial das Estatísticas.

 

Por iniciativa do European Statistical Advisory Committee, e com o apoio do Sistema Estatístico Europeu e do Sistema Europeu de Bancos Centrais, é celebrado, pela primeira vez o Dia Europeu das Estatísticas.

 

O Dia vai ser assinalado com uma conferência em Budapeste onde Portugal estará representado, nomeadamente através da Pordata que  assinala o dia, entre nós, com várias iniciativas:

 

 

Também o INE vai levar a efeito uma sessão comemorativa, subordinada ao tema: "As Estatísticas Portuguesas: Ontem e Hoje", com este programa.

 

Conteúdo relacionado:

 

 

Ler mais >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

INE.png

 INE

 

No 80º aniversário o Instituto Nacional de Estatística (INE) deu mais um passo na Difusão da Informação Estatística, criando um canal no YouTube. Disponibiliza conteúdos relacionados com a atividade estatística oficial, no âmbito da promoção da literacia estatística.

 Aqui ficam as ligações para alguns dos conteúdos:

 

O INE no Pinterest.

 

Conteúdos relacionados:

Acção Local Estatística Aplicada (ALEA):

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

  

Infografia sobre a qualidade de vida nos países da Comunidade europeia. Literacia estatística.

 

Ler mais >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

ine_top.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Instituto Nacional de Estatística (INE), no âmbito da parceria com a Rede de Bibliotecas Escolares, propõe-se realizar ações a nível nacional, subordinadas ao tema A Literacia Estatística ao Serviço da Cidadania – Portal do INE e Projeto ALEA. Estas ações são destinadas aos professores bibliotecários e a outros professores, com a finalidade de promover a utilização da estatística nas diferentes áreas disciplinares. (...)

Ler mais >>

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

qualificacoes.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais de metade dos trabalhadores portugueses (52,3%) têm qualificações demasiado baixas para o posto de trabalho que ocupam. Num lote de 24 Estados analisados pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), Portugal é o país com pior desempenho neste indicador. Se acrescentarmos os 4% da força laboral que têm demasiadas qualificações, então 56,3% dos trabalhadores em Portugal estão desajustados. Numa população empregada de 4,5 milhões, há 2,5 milhões que não têm as suas competências devidamente alinhadas com a função que desempenham.

 

O estudo da OIT, intitulado "Desajuste de competências na Europa", mostra que o fenómeno é igualmente grave entre a população jovem (até aos 31 anos): 40,1% dos trabalhadores jovens têm qualificações abaixo das que seriam exigíveis para o posto de trabalho que ocupam. Recorrendo às estatísticas do Instituto Nacional de Estatística (INE) referentes ao segundo trimestre deste ano, constata-se que este fenómeno afeta cerca de 380 mil jovens. Pior só na Islândia, com um rácio de 49,7%. (...)

 

Ler mais em Dinheiro Vivo, 2 nov. >>

Autoria e outros dados (tags, etc)














 
 
Na tarde do dia 8 de fevereiro, decorreu, na Escola Secundária/ 3º ciclo Martinho Árias, uma formação subordinada ao tema A literacia estatística ao serviço da cidadania – portal do INE e Projecto ALEA - uma primeira abordagem
Esta iniciativa resultou de uma parceria da Rede de Bibliotecas Escolares com o Instituto Nacional de Estatística (INE) e pretendeu familiarizar os participantes com as potencialidades oferecidas pelo portal do INE. Sob a orientação dos formadores foi possível explorar as ferramentas ali disponibilizadas e aceder a toda uma panóplia de dados essenciais a um melhor conhecimento da realidade passada e presente do nosso país. 
Numa segunda parte da sessão, foi apresentado o Projecto ALEA cujo sítio oferece um conjunto de conteúdos didáctico-pedagógicos de apoio a professores e alunos. 
Esta foi uma formação que se revestiu de um carácter essencialmente prático e que procurou incentivar a utilização, em contexto de sala de aula, de um conjunto informação fiável e facilmente acessível. Uma iniciativa louvável que se revestiu de grande utilidade. 
 

 

 Professoras Bibliotecárias
Agrupamento de Escolas de Soure

Autoria e outros dados (tags, etc)
















Está a decorrer a 2ª fase da formação, acordada entre a RBE e o INE, para professores bibliotecários e outros professores interessados em conhecer os recursos existentes no 'site' do INE e do ALEA e, assim, serem integrados em práticas pedagógicas que recorrem às mais ricas, fiáveis e atualizadas bases de dados.
Hoje, na EB23 de Gueifães (Maia), dezassete professores receberam a formação ministrada pelo Dr Ângelo Antunes e, pelas opiniões espontâneas expressas no final da sessão, acharam ter sido muito útil e vão replicá-la nas respetivas escolas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas:


RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Ligações

Sítios Institucionais


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Twitter_