Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Olga Antunes, diretora do Agrupamento de Escolas de Constância, fala sobre o Constancioneiro e lê a carta que o secretário de estado da educação, João Costa, lhe endereçou a este propósito (3´:50´´).

 

No texto que se segue, Ana Paula Ferreira, coordenadora interconcelhia da Rede de Bibliotecas Escolares, apresenta o livro e aponta as bondades do projeto que lhe deu origem, destacando ainda o excelente desempenho destes (mesmos) alunos nas Olimpíadas da Cultura Clássica, um projeto da Rede de Bibliotecas Escolares e do Centro de Estudos Clássicos da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa:

 

Boa noite!

Começo por cumprimentar todos os presentes e elogiar-vos o vosso bom gosto por estarem presentes neste evento que alia a leitura à aprendizagem e que decorre num espaço tão propício à poesia.

 

Agradeço à Sra. Diretora, Dr.ª Olga Antunes, o convite para fazer a apresentação deste Constancioneiro, livro que de forma exemplar brinca com as suas origens – O Cancioneiro e Constância.

 

 

Agradeço, também, aos grandes obreiros do projeto, a professora Susana Neves, os seus magníficos poetas trovadores, os alunos das duas turmas de 10º ano do Agrupamento e, claro, ao professor bibliotecário, António Marques e à sua capacidade de incentivar a mudança, de levar os seus parceiros a tirarem partido das inúmeras possibilidades da biblioteca e de aceitarem ser e fazerem diferente na escola.

 

Tive o prazer de acompanhar a forma inovadora e colaborativa como o projeto se foi desenvolvendo e este lançamento, hoje, mostra que, tal como disse Fernando Pessoa, “o homem sonha, a obra nasce”.

 

Estou certa que o ambiente educativo inovador que se vive neste agrupamento impulsiona este tipo de projetos e gostaria que em todas as escolas do nosso país os alunos tivessem a oportunidade de experienciar a aprendizagem desta forma: enquanto ponte para uma intervenção ativa na sociedade, colocando-os perante desafios que desenvolvem a sua perseverança, o pensamento crítico e reflexivo, a autonomia.

 

 

Um verdadeiro exemplo de um projeto que desenvolve as competências definidas para os alunos à saída da escolaridade obrigatória.

 

Este projeto, decorrente de um domínio de articulação curricular, no âmbito do projeto de autonomia e flexibilidade curricular, envolveu as disciplinas de Português, Francês e Espanhol, em “estreita colaboração com a biblioteca escolar”, como é referido no posfácio.

 

 

biblioteca escolar assume neste agrupamento um papel de destaque, enquanto centro de inovação pedagógica, capaz de fomentar e difundir projetos verdadeiramente estruturantes, em parceria com as várias estruturas educativas, em prol das aprendizagens dos nossos alunos, para assim contribuir para a criação de cidadãos ativos, autónomos e responsáveis.

 

 

 

Não poderia deixar de referir o excelente desempenho destes mesmos alunos nas Olimpíadas da Cultura Clássica, um projeto da Rede de Bibliotecas Escolares e do Centro de Estudos Clássicos da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. O júri  atribuiu a estes nossos alunos 4 prémios, no escalão C (10, 11º e 12º anos).

 

Os prémios vão ser entregues na próxima sexta-feira.

 

 Artes/multimédia:

 1º lugar  -   Beatriz Cabeças, Inês Pedro, Laura Gonçalves

Trabalho: A Teia de Penélope, Rainha de Ítaca

 

Menção Honrosa -   Afonso Martins, João Lisboa, Ricardo Mascate, Rodrigo Sousa, Tomás Santos e Tomás Pedro

Trabalho: Os mitos do Minotauro e de Penélope 

 

 Provas escritas:

 1º lugar  - Clarisse Malheiro Junqueira

2º lugar -  Ana de Moura Lopes Velho

 

 A palavra de ordem é, sem dúvida, “ORGULHO”.

Obrigada!

***

 

Conteúdo relacionado:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

aa.png

 

A sessão de entrega do Prémio Escolar AEPC 2018 (Ano Europeu do Património Cultural) decorrerá no dia 8 de junho, às 14h30m, no Auditório 3 da Fundação Calouste Gulbenkian.

Iniciativa do Coordenador Nacional do AEPC 2018, em parceria com o Centro de Investigação para Tecnologias Interativas (CITI-UNL) e Centro de Informação Europeia Jacques Delors (CIEJD), Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE), o Prémio conta com a participação das seguintes entidades: Ministério da EducaçãoMinistério da CulturaFundação Calouste GulbenkianPlano Nacional de Leitura e Rede de Bibliotecas Escolares.

Este concurso visa promover o conhecimento do património cultural europeu nas suas múltiplas dimensões e mutações, dinamizando iniciativas que garantam a sua sustentabilidade e proteção, assim como o diálogo entre diferentes realidades culturais.


Veja também:
Programa
Prémio AEPC

Autoria e outros dados (tags, etc)

ch.png

A Direção-Geral da Educação (DGE) divulgou a lista das histórias vencedoras, resultantes do concurso "Conta-nos uma história" - 9.ª edição e produzidas por alunos da Educação Pré-Escolar e do 1.º ciclo do Ensino Básico. 

 

As 352 histórias submetidas, nas modalidades áudio e vídeo, foram avaliadas por um júri constituído por elementos da Direção-Geral da Educação (DGE), do Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), do Plano Nacional de Leitura (PNL), da Associação Nacional de Professores de Inglês (APPI), da Microsoft e da Rádio ZigZag, presidido pela Professora Doutora Ana Amélia Carvalho, da Universidade de Coimbra.

 

Consulte a lista das histórias premiadas. 

 

Referência: Vencedores do Concurso “Conta-nos uma História!” - 9.ª Edição | Direção-Geral da Educação. (2018). Dge.mec.pt. Retrieved 4 June 2018, from http://www.dge.mec.pt/noticias/tic-na-educacao/vencedores-do-concurso-conta-nos-uma-historia-9a-edicao

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

jornal final.jpg

 Mais informação e programa | Fonte |

 

A 1ª edição do Festival Literário Internacional do Interior (FLII), com o título Palavras de Fogo, decorrerá em homenagem às vítimas dos incêndios florestais de 2017. As atividades vão desenrolar-se em 11 concelhos: Arganil, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Lousã, Miranda do Corvo, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Pedrógão Grande, Penela, Sertã e Tábua.

"Este festival tem um caráter inovador, uma vez que se trata de uma realização intermunicipal que abrange (...) a região afetada pelos fogos e pretende levar os livros e os escritores aos sítios mais inesperados e imprevisíveis, como fábricas, campos, praias, locais onde as pessoas trabalham e convivem", afirma, em nota de imprensa enviada à agência Lusa, a escritora Ana Filomena Amaral, presidente da Arte-Via Cooperativa, promotora do evento.

O festival, intitulado FLII - Palavras de Fogo, pretende ainda celebrar os 18 anos da cooperativa cultural e os 28 anos da queda do Muro de Berlim, tem como grupo coordenador, para além de Ana Filomena Amaral e da professora Fátima Cabral, os escritores Pedro Mexia e José Luís Peixoto (...)" envolvendo as Bibliotecas Municipais, a Rede de Bibliotecas Escolares e diferentes organizações locais, num programa rico e diversificado.

"Pretende envolver todos os agentes de desenvolvimento de todos os concelhos participantes, todos os talentos locais, em todas as ações a realizar em simultâneo: concursos, palestras, ‘workshops’, leituras, feiras do livro, espetáculos, multimédia, performances, instalações, exposições, para e com todos os públicos de todas as faixas etárias", lê-se no comunicado. Segundo Ana Filomena Amaral, o conceito subjacente ao FLII - Palavras de Fogo é o de uma "realização sinérgica, envolvendo os recursos dos municípios integrantes do consórcio, rentabilizando e potenciando o melhor que cada um possui, num esforço conjunto de superar as adversidades e em nome da palavra regeneradora".

"Onde houver pessoas haverá livros, eles estarão nos sítios mais inusitados, à mão de quem os quiser ler, os escritores portugueses e estrangeiros irão aos locais mais surpreendentes, os livros e as palavras farão novamente renascer a cor por entre o negrume", ilustra.

O evento, que conta com o patrocínio da Presidência da República decorre entre 15 e 19 de junho de 2018.

 

 

Conteúdo relacionado:

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

pal.png

 

Os Jardins do Palácio de Belém participam no evento “Jardins Abertos”, iniciativa que visa dar a conhecer os jardins de Lisboa que normalmente não estão acessíveis e que vai trazer à residência oficial do Presidente da República música, oficinas para crianças, visitas guiadas e sessões de leitura.


Agradecemos o maior apoio à divulgação e concretização das várias atividades organizadas, esperando poder contar com a sua  presença.

 

Local: Palácio de Belém

Datas: 26 e 27 de Maio

Horário: 10h00 - 13h00 e 14h00 - 18h00

Organização: Museu da Presidência da República e Jardins Abertos
Entrada livre | Acesso pelo Museu da Presidência da República

Mais informações: Página Web | Facebook | museu@presidencia.pt| 213 614 660

Autoria e outros dados (tags, etc)

11ºCLJ_cartaz2018_CERIMONIA.jpg

 

convite.jpg

 

  

Cerimónia de entrega de prémios do Concurso Literário Jovem promovida pela Rede de Bibliotecas de Mira, no dia 25 de maio de 2018.

 

Festa da Rede de Bibliotecas de Ovar

Na sexta edição da Festa organizada pela Rede de Bibliotecas de Ovar, mais uma vez a partir do palco do auditório do Centro de Arte de Ovar, serão dadas a conhecer à comunidade algumas atividades desenvolvidas no âmbito da promoção da leitura através da apresentação de apontamentos musicais e de dança, da dramatização de textos, da declamação de poemas, entre outros, protagonizados por alunos e professores de todos os níveis de ensino dos três Agrupamentos de Escolas do concelho que, desta forma animada e criativa, partilham com a plateia os seus livros e autores favoritos.

 

Rede de BIbliotecas de Ovar

Autoria e outros dados (tags, etc)

rm.png

 

Põe a tua terra nos píncaros - Um herói da tua terra é organizado pela Rádio Miúdos e tem a colaboração da Rede de Bibliotecas Escolares e o apoio de Portugal Inovação Social, no âmbito do Portugal 2020, e da Fundação Calouste Gulbenkian.

 

Todos os alunos do 2.º ao 9.º ano das escolas públicas e municípios de Portugal poderão participar, criando um spot de rádio sobre um herói da sua terra. Pode ser um herói da História, um herói vivo, um ecologista, lutador, inovador, humanista, alguém que pelos seus feitos ou atitude foi ou é exemplar. A duração do spot deverá ser no máximo cinco minutos.

 

Em junho de 2019, realiza-se na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, o evento final desta iniciativa.

 

As candidaturas dos municípios têm de ser feitas até ao dia 31 de maio e as escolas podem concorrer até ao dia 2 de novembro.

 

A divulgação dos resultados será publicada a 30 de novembro.

 

O regulamento pode ser consultado aqui>>.

 

Veja também: Vencedores 2017

Autoria e outros dados (tags, etc)

Chaves.png

 foto JN | por Alexandre Inácio |

 

José Jorge Teixeira, professor de Física e Química na escola secundária Júlio Martins, em Chaves, foi eleito o melhor professor de Portugal. O dinheiro do prémio servirá para desenvolver o projeto que criou noutras escolas do país.

 

As suas aulas "começam sempre com bom humor, pelo porquê das coisas", garantiu esta tarde após receber os 30 mil euros de prémio do Global Teacher Prize Portugal, no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa. José Jorge Teixeira é professor há 24 anos e um dos seus principais objetivos é conciliar o ensino formal e informal para cativar os alunos. Aos docentes, deixou uma mensagem: a tecnologia e os recursos não são tudo, "temos a nossa cabeça e a nossa imaginação para do pouco fazermos muito".

 

Há 12 anos, o docente fundou na Secundária Fernão de Magalhães, o Clube do Ensino Experimental das Ciências (CEEC): a partir da matéria, os alunos debatem ideias e criam um novo produto. A experiência é depois revelada à comunidade escolar. Este ano, por exemplo, os alunos estão a desenvolver um instrumento que permita a captação de água a partir do vapor. O objetivo, explicou o professor, é conseguir-se desenvolver plantas "autónomas", quase sem rega. O dinheiro do prémio, explicou aos jornalistas, será para replicar o seu projeto noutras escolas do país.

 

"Trabalhamos 22 horas letivas e inúmeras não letivas. Antes de vir para aqui já dei aulas de segunda, de terça, de quarta, de quinta? Estou esgotado!", afirmou José Teixeira, manifestando-se igualmente feliz.

(...)

 

 

Ler mais >>

 

Inácio, A. and Inácio, A.

Referência: Inácio, A., & Inácio, A. (2018). Professor de Chaves eleito o melhor de PortugalJN. Retrieved 19 May 2018, from https://www.jn.pt/nacional/interior/professor-de-chaves-eleito-o-melhor-de-portugal-9348102.html

 

 

 

 

Conteúdo relacionado:

Autoria e outros dados (tags, etc)

leituras na linha.jpg

 Programa | Inscrição | Palestrantes Oficinas Informações

 

Leituras na Linha . 1.º Encontro de Bibliotecas de Cascais


​Local: Casa das Histórias Paula Rego


28 e 29 de junho de​ 2018


Uma organização da Rede de Bibliotecas Escolares de Cascais, com a colaboração da Câmara Municipal de Cascais e do Centro de Formação de Escolas do Concelho de Cascais.

 

Sítio web do Encontro

Sobre a Formação | Este Encontro está acreditado pelo Conselho Científico Pedagógico da Formação Contínua e está registado com o n.º CCPFC/ACC-100659/18, com uma duração de 12 horas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

cartaz.jpg

 Programa Ficha de inscrição | Facebook

 

 Em junho todos os Caminhos vão dar a Pombal.


Mais informações: caminhosdeleitura@cm-pombal.pt / telf. 236210543 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Ligações

Sítios Institucionais


Twitter



Perfil SAPO

foto do autor



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Twitter_